UFSCar forma primeira turma de especialistas em Educação de Jovens e Adultos do Estado de São Paulo

No último sábado (12/5), aconteceu a formatura dos 28 concluintes da primeira turma do curso de especialização em Educação de Jovens e Adultos (EJA) oferecido pela UFSCar. A partir de um edital do Ministério da Educação (MEC) de fevereiro de 2009, a Universidade foi selecionada para oferecer o primeiro curso do gênero no Estado de São Paulo. O curso, que teve início no primeiro semestre de 2010, foi oferecido pelo Núcleo de Investigação e Ação Social e Educativa da UFSCar (Niase) para educadores e gestores do sistema de Educação de São Carlos, Araraquara, Rio Claro e Pederneiras, em parceria com as secretarias de Educação municipais e estadual.
As aulas foram ministradas por docentes da própria Universidade e de outras instituições. Fabiana Marini Braga, docente do Departamento de Teorias e Práticas Pedagógicas (DTPP), dividiu a coordenação da especialização com Roseli Rodrigues de Mello, também do DTTP. Braga explica que a especialização para profissionais que já atuam na EJA – seja diretamente, como professores, ou no âmbito da concepção de políticas educacionais – é importante para aprofundar as discussões teóricas e propor paradigmas diferenciados. “Por muitos anos reproduziu-se em turmas de EJA o que era feito na educação de crianças e adolescentes, sem levar em conta que jovens e adultos têm realidades diferentes, têm outras experiências de vida, normalmente trabalham e possuem dificuldades particulares. Era uma visão compensatória. No curso, promovemos uma aproximação com o referencial teórico de Paulo Freire, com base no diálogo, no vínculo com os estudos. E foi um desafio também para os alunos do curso, que retornaram à universidade depois de muitos anos.” A docente ressalta também o trabalho de toda a equipe do Niase no apoio aos alunos da especialização, oferecendo a estrutura necessária, estimulando e conversando de forma a acompanhar de perto o desempenho e dar auxílio.
Braga também destaca que a especialização oferecida aos educadores é concebida no sentido de fortalecer esses profissionais. “A EJA tem ganhado mais espaço nas recentes atualizações curriculares de cursos de graduação em Pedagogia, e há uma percepção de aumento na procura dos jovens e adultos pela educação na nossa região. Trabalhamos com o conceito de educação ao longo da vida, que não se restringe apenas às salas de aula, mas abrange o contato permanente com a educação, nos âmbitos cultural, social e educativo. A teoria auxilia os educadores na construção de caminhos para uma educação emancipatória”, ressalta.

Comentários desativados em UFSCar forma primeira turma de especialistas em Educação de Jovens e Adultos do Estado de São Paulo

Filed under Extensão

Comments are closed.