Tag Archives: Equidade

UFSCar aprova sua Política de Ações Afirmativas, Diversidade e Equidade

A UFSCar aprovou recentemente – em reunião do Conselho Universitário (ConsUni) realizada em 21 de outubro – sua Política de Ações Afirmativas, Diversidade e Equidade, construída ao longo de 2016 em um processo dialógico e participativo que envolveu a comunidade dos quatro campi da Instituição. Foram cerca de mil participantes nas diferentes etapas desse processo de construção, que incluiu seminários temáticos, fóruns e consulta pública online, dentre outras atividades, sob a coordenação da Secretaria de Ações Afirmativas, Diversidade e Equidade (Saade). Ao final, a Política foi aprovada no ConsUni por aclamação, em sessão histórica que teve a participação de integrantes de diferentes grupos organizados que estiveram presentes no seu processo de construção.

O documento da Política – disponível no Blog da Saade – apresenta um conjunto grande de diretrizes gerais e de diretrizes específicas de cada uma das três áreas a partir das quais está organizada a atuação da Saade: Relações Étnico-Raciais; Inclusão e Acessibilidade; e Diversidade e Gênero. O texto traz também contribuições relativas ao registro e à reflexão sobre a trajetória da UFSCar no que diz respeito à área das ações afirmativas, diversidade e equidade, bem como ao cenário atual, perspectivas e desafios para a Educação Superior brasileira como um todo. Também está detalhada a metodologia adotada ao longo de todo o processo de construção da Política.

Como destacado pela Saade na mensagem de encaminhamento da Política à comunidade universitária (que pode ser conferida aqui), ela define princípios e diretrizes voltadas ao ensino, à pesquisa, à extensão e à administração, envolvendo todas as pessoas com vínculo com a Universidade, bem como apontando ações na relação com setores externos e a sociedade em geral. Além disso, o texto ressalta que a aprovação da Política é apenas um primeiro passo, já que “a caminhada continua. A UFSCar possui uma Política de Ações Afirmativas, Diversidade e Equidade e precisamos vivê-la no nosso cotidiano… Tirá-la do papel e colocá-la no cotidiano”. Para tanto, conclui a mensagem, é fundamental que toda a comunidade universitária conheça o documento, tendo-o sempre em mãos e contribuindo para a sua divulgação.

Leave a Comment

Filed under Conselhos, Equidade, Políticas de Educação e CTI

Política de Ações Afirmativas, Diversidade e Equidade da UFSCar está em consulta pública até 7 de setembro

A partir de hoje (18/8) e até o dia 7 de setembro, está disponível para consulta pública a proposta de Política de Ações Afirmativas, Diversidade e Equidade da UFSCar, construída coletivamente desde abril deste ano. A manifestação poderá ser feita por todas as pessoas interessadas, por meio de aplicativo online disponível no Blog da Saade (Secretaria Geral de Ações Afirmativas, Diversidade e Equidade (Saade), no qual é possível indicar a manutenção de diretrizes, modificação (indicando a sugestão de nova redação) ou exclusão (com justificativa). Também é possível sugerir a inclusão de novas diretrizes.

O processo de construção da Política foi coordenado pela Saade, dando continuidade e ampliando um trabalho que a Universidade já vem desenvolvendo no âmbito das ações afirmativas. Construiu-se uma proposta metodológica para esse processo – aprovada pelo Comitê Gestor da Saade em maio deste ano –, que tem como princípio ampliar a participação da comunidade da UFSCar na elaboração de políticas institucionais. Essa participação foi iniciada com a constituição de comissões abertas nos quatro campi, que se responsabilizaram pela definição e execução das etapas em cada campus.

De maio a junho, sob a coordenação dessas comissões e da Saade, foram realizados  seminários temáticos sobre Inclusão e Acessibilidade, Relações Étnico-Raciais e Diversidade e Gênero nos campi São Carlos e Sorocaba, aos quais pessoas da UFSCar e da comunidade externa puderam trazer suas reflexões, contribuições e demandas para a Política. Parte deles foi registrada em vídeo e está disponível no Blog da Saade. Nos campi Araras e Lagoa do Sino, os seminários acontecerão neste mês de agosto. O evento no Campus Lagoa do Sino está agendado para o dia 23, e a programação completa pode ser conferida aqui.

As diretrizes, agora em consulta pública, foram sistematizadas pela equipe da Saade a partir dos relatórios dos seminários – sendo que as contribuições dos eventos em Araras e Lagoa do Sino serão incorporadas durante a consulta pública. Também foram incorporadas contribuições do Conselho de Ações Afirmativas, Diversidade e Equidade da UFSCar, relacionadas, principalmente, às ações e aos projetos que são realizados pelos diversos setores administrativos da Universidade que visam o fortalecimento da diversidade e a promoção da equidade.

Após o período da consulta, serão realizados, em setembro, quatro fóruns (um em cada campus), com o objetivo de dar uma devolutiva pública do processo de construção, bem como debater sobre perspectivas para a concretização da Política no cotidiano da Universidade. O texto finalizado será encaminhado para apreciação pelo Conselho da Saade e pelo Conselho Universitário.

Para dúvidas durante a consulta, o contato com a Saade pode ser realizado pelo e-mail saade@ufscar.br ou pelo telefone (16) 3351-9771. A participação de todas e todos é fundamental para que esta etapa complemente as anteriores, tornando o processo de construção cada vez mais democrático.

Comentários desativados em Política de Ações Afirmativas, Diversidade e Equidade da UFSCar está em consulta pública até 7 de setembro

Filed under Equidade

Saade avança nos debates para a construção da Política de Ações Afirmativas, Diversidade e Equidade da UFSCar

Participantes do seminário sobre Relações Étnico-Raciais no Campus Sorocaba (Foto: João Justi – SeCS-So)

Participantes do seminário sobre Relações Étnico-Raciais no Campus Sorocaba (Foto: João Justi – SeCS-So)

Dando continuidade à construção participativa e dialógica da Política de Ações Afirmativas, Diversidade e Equidade da UFSCar, a Secretaria de Ações Afirmativas, Diversidade e Equidade (Saade) realizou na última segunda-feira (13/6), no Campus Sorocaba, novo seminário temático, desta vez sobre Relações Étnico-Raciais.

Na ocasião, servidoras e servidores docentes e técnico-administrativos e estudantes do Campus discutiram as ações afirmativas na UFSCar voltadas às populações indígenas e negras e refletiram sobre as relações étnicas e raciais no cotidiano da vida universitária, considerando as diferentes categorias que constituem a comunidade universitária.

A conversa contou com a participação de Monica Caron, professora do Departamento de Geografia, Turismo e Humanidades (DGTH), que fez um resgate histórico relacionado à Declaração Universal dos Direitos Linguísticos, promulgada em 1996 em Barcelona, na Espanha, com o objetivo de evidenciar como as línguas oficiais refletem opções políticas dos países e os interesses das classes dominantes. “No Brasil, nós temos em circulação 210 línguas naturais, 180 línguas indígenas vivas e 30 línguas estrangeiras e, ainda assim, somos considerados, equivocadamente, um país monolíngue. Em consequência, no cenário nacional, nem as línguas diferentes do Português, nem as pessoas falantes dessas línguas são atendidas nas políticas públicas de diferentes áreas, como Educação e Saúde”, registrou Caron. Para a professora, a UFSCar deve considerar que o ser humano é fundamentalmente diverso – em suas línguas, costumes e formas de expressão – para combater o preconceito por meio de uma política verdadeiramente comprometida com a inclusão. Continue reading

Comentários desativados em Saade avança nos debates para a construção da Política de Ações Afirmativas, Diversidade e Equidade da UFSCar

Filed under Equidade

Saade disponibiliza tradução em Língua Brasileira de Sinais para vídeos de seminários

saade_librasA Secretaria de Ações Afirmativas, Diversidade e Equidade (Saade) da UFSCar disponibilizou nesta semana vídeos com tradução em Língua Brasileira de Sinais (Libras) de três dos seminários temáticos realizados pela Secretaria em abril. A série de seminários de formação teve o objetivo de apresentar e debater aspectos históricos, políticos e conceituais das áreas específicas de atuação da Saade, organizadas nas coordenadorias de Diversidade e Gênero; de Relações Étnico-Raciais; e de Inclusão e Direitos Humanos. Os eventos constituíram uma das etapas do processo de implantação da Secretaria e, agora, estão acessíveis para pessoas surdas.

Os dois primeiros seminários – sobre relações étnico-raciais e sobre diversidade e gênero – aconteceram no dia 5 de abril, no Campus Sorocaba. A Coordenadora de Relações Étnico-Raciais da Saade, Rosana Batista Monteiro, docente do Departamento de Ciências Humanas e Educação (DCHE), abordou questões relacionadas aos conceitos de raça e etnia, ao preconceito e à discriminação e, também, à trajetória que levou à implantação das ações afirmativas na UFSCar. Na mesma direção, a professora Viviane Melo de Mendonça, também do DCHE e Coordenadora de Diversidade e Gênero da Saade, falou sobre o desafio de construir políticas na área dentro das universidades. No dia 12 de abril, em São Carlos, a Coordenadora de Inclusão e Direitos Humanos, Rosimeire Maria Orlando, docente do Departamento de Psicologia (DPsi), retomou registros de pessoas com deficiência ao longo da história da Humanidade para situar as conquistas de direitos e os desafios que ainda precisam ser enfrentados.

Os vídeos completos dos seminários com tradução em Libras, bem como os demais registros de eventos realizados pela Saade e informações sobre próximas atividades estão disponíveis no Blog da Secretaria. Relatos dos eventos e outras notícias sobre a Saade também podem ser acompanhadas no Blog da Reitoria.

Comentários desativados em Saade disponibiliza tradução em Língua Brasileira de Sinais para vídeos de seminários

Filed under Equidade

Saade debateu políticas de Educação Inclusiva no Ensino Superior em seminário temático no Campus Sorocaba

Magno Donizetti de Oliveira, representante do Conselho Municipal dos Direitos das Pessoas com Deficiência de Sorocaba, faz sua apresentação no evento (Foto: João Justi – SeCS-So/UFSCar)

Magno Donizetti de Oliveira, representante do Conselho Municipal dos Direitos das Pessoas com Deficiência de Sorocaba, faz sua apresentação no evento (Foto: João Justi – SeCS-So/UFSCar)

Como parte do processo de construção participativa e dialógica da Política de Ações Afirmativas, Diversidade e Equidade da UFSCar, a Secretaria Geral de Ações Afirmativas, Diversidade e Equidade (Saade) e a Comissão de Acessibilidade do Campus Sorocaba realizaram no dia 31 de maio o seminário temático “Inclusão e Direitos Humanos”, com a proposta de discutir políticas sobre Educação Inclusiva no Ensino Superior. Evento com a mesma temática já havia sido realizado no Campus São Carlos em 17 de maio.

Com o auditório do ATLab repleto de integrantes da comunidade universitária com interesse em pensar e construir uma Universidade acessível a todas e todos, o seminário contou com apresentações de Teresa Cristina Leança, docente em Libras do Departamento de Ciências Humanas e Educação (DCHE) da UFSCar, e de Magno Donizetti de Oliveira, representante do Conselho Municipal dos Direitos das Pessoas com Deficiência de Sorocaba.
Em sua fala, Leança conceituou o termo inclusão como um processo de compreensão das diferenças existentes entre os indivíduos; de envolvimento da comunidade em torno do bem comum; de acolhimento das necessidades dos membros dessa comunidade; e de transformação dos ambientes e das mentalidades sobre a existência das deficiências e a presença das pessoas com deficiência. “Uma política institucional que vise a igualdade de condições de acesso e permanência das pessoas dentro da UFSCar precisa considerar todos esses aspectos”, afirmou a professora. Para ela, “a Universidade só vai conseguir se transformar a partir do momento em que entender que acessibilidade não diz respeito apenas às pessoas com deficiência, já que as adaptações beneficiam o funcionamento integral da Instituição e a convivência da comunidade universitária em seu conjunto”.

Para o representante do Conselho Municipal dos Direitos das Pessoas com Deficiência, é preciso se preocupar também com a adaptação dos materiais didáticos e das estratégias pedagógicas. “Como docentes estão recebendo formação e preparação para lidar com as deficiências durante os processos de ensino-aprendizagem?”, questionou Oliveira. “Temos de pensar em alternativas pedagógicas para o acolhimento das pessoas cegas, surdas, portadoras de transtornos neurobiológicos e de todo o conjunto de estudantes, com deficiência ou não”, defendeu o conselheiro.

Após as apresentações, houve relatos de pessoas com deficiência (surdez, cegueira, baixa visão, tetraplegia) que estavam na plateia e que, com suas experiências de vida, percepções e inquietações, contribuíram para o entendimento a respeito da complexidade do assunto e dos desafios na construção de uma política de inclusão. “Ouvir as pessoas com deficiência é fundamental para que a Política de Ações Afirmativas, Diversidade e Equidade da UFSCar tenha completa aderência à realidade vivida por elas e corresponda aos seus anseios”, afirmou a professora Katia Caiado, também do DCHE e membro da Comissão de Acessibilidade do Campus. Continue reading

Comentários desativados em Saade debateu políticas de Educação Inclusiva no Ensino Superior em seminário temático no Campus Sorocaba

Filed under Equidade