Reitor entrega certificados de cursos de Português a estudantes haitianos da UFSCar

O Reitor da UFSCar, Targino de Araújo Filho, recebeu em seu gabinete na última quinta-feira (3/4), estudantes de graduação haitianos que vieram para a Universidade em 2011 por meio do programa emergencial Pró-Haiti, uma iniciativa dos ministérios da Educação e das Relações Exteriores coordenada pela Capes (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior). Na ocasião, o Reitor entregou aos estudantes certificados de conclusão dos cursos de Língua Portuguesa realizados no momento em que os jovens chegaram ao Brasil. Também estiveram presentes à cerimônia o Vice-Reitor da UFSCar, Adilson de Oliveira; o coordenador do projeto de extensão que viabilizou a oferta do cursos, Nelson Viana, docente do Departamento de Letras; e Marina Ayumi Izaki, doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Linguística que foi professora dos estudantes haitianos.

Da esquerda para a direita: Raynord Mayard, Adilson de Oliveira, Alidieu Liberiste, Targino de Araújo Filho, Nelson Viana, Jean-Dany Rozier e Marina Izaki (Foto: Enzo Kuratomi – CCS/UFSCar)

Receberam seus certificados das mãos do Reitor os estudantes Jean-Dany Rozier, do curso de Engenharia Mecânica; Raynord Mayard, do curso de Engenharia Civil; e Alidieu Liberiste, do curso de Ciência da Computação. Não puderam estar presentes Enoc Pierre, também da Ciência da Computação, e Georges Dorilien, do curso de Medicina. Nelson Viana relembrou o primeiro encontro dos estudantes com o Reitor, em setembro de 2011, e destacou as conquistas concretizadas desde então. “O professor Targino tem acompanhado a trajetória desses estudantes, e por isso fizemos questão de realizar a entrega dos certificados com a sua presença. Lembro-me perfeitamente do nosso primeiro encontro, em setembro de 2011, quando eles ainda não falavam nada em Português, mas já demonstravam estar realizando grandes esforços para aprender. Hoje todos eles já têm o certificado oficial de proficiência em Português e estão integrados à Universidade, acompanhando seus cursos com mais facilidade”, relatou Viana.

Raynord Mayard aproveitou a ocasião para expressar seu agradecimento ao Reitor e aos professores Nelson e Marina, bem como para registrar o apoio que tem recebido na Universidade. “Inicialmente, ficaríamos apenas um ano, e o apoio do professor Targino foi fundamental para que pudéssemos concluir nossos cursos aqui no Brasil. No começo tudo era muito difícil, não conseguíamos nem conversar e, muito menos, acompanhar satisfatoriamente as aulas. A dificuldade ainda existe, muitas coisas são bastante diferentes, mas estamos estudando para superar os obstáculos, e minha expectativa é concluir a graduação no máximo no ano que vem”, contou o estudante. Jean-Dany Rozier também falou da relevância de poderem concluir o curso no Brasil e da formação em Língua Portuguesa, bem como destacou os desafios relacionados à adaptação à nova realidade. “Eu já tinha estudado quatro anos no Haiti, no curso de Engenharia Eletromecânica, um curso que não existia aqui. Fui para o curso de Engenharia Mecânica, voltei para o início do segundo ano e agora estou cursando as disciplinas do terceiro. Neste momento, é um prazer dizer, em Português, muito obrigado!”, afirmou, emocionado, o estudante.

 

Pró-Haiti

O Programa Emergencial em Educação Superior Pró-Haiti foi criado com o objetivo de contribuir para a reconstrução do Haiti após o terremoto que destruiu o País em 2010, por meio do apoio à formação de recursos humanos em cursos de graduação. Inicialmente previsto para durar um ano, o programa passou a contemplar a conclusão dos cursos no Brasil, a partir de reivindicação dos estudantes, que evidenciaram o fato das universidades não poderem ser reconstruídas em um curto espaço de tempo.

 

Português para estrangeiros

Assim que chegaram ao Brasil, os estudantes haitianos que vieram para a UFSCar iniciaram os cursos de formação em Língua Portuguesa, em atividades intensivas realizadas todas as manhãs, desde setembro de 2011 até o início das aulas na graduação, em março de 2012. A iniciativa integrou um conjunto de projetos de extensão coordenados por Nelson Viana, voltados à oferta de cursos de Português para Estrangeiros a integrantes da comunidade universitária – estudantes de graduação e pós-graduação, docentes, pesquisadores visitantes e suas famílias – e, também, a pessoas externas à Universidade. Hoje, cerca de 100 alunos são atendidos anualmente, em aulas que contam com a participação de estudantes de graduação em Letras e de pós-graduação em Linguística.

Comentários desativados em Reitor entrega certificados de cursos de Português a estudantes haitianos da UFSCar

Filed under Graduação, Internacionalização

Comments are closed.