ProGPe inaugura novo modelo para a realização de concursos com a retomada de 15 editais para a contratação de professores

Candidatos realizam prova seguindo os protocolos de biossegurança contra a Covid-19

Assim que a UFSCar avançou para a Fase 1 do Plano de Retomada das Atividades Presenciais, a Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (ProGPe) se mobilizou para retomar a realização dos concursos públicos que estavam suspensos por conta da pandemia da Covid-19, uma vez que demandam a realização de etapas presenciais.

Para retomar os 15 editais de concursos para docentes para os campi São Carlos, Araras e Sorocaba, a ProGPe realizou uma força-tarefa, em parceria com a Secretaria Geral de Informática (SIn), Procuradoria Federal, Pró-Reitoria de Graduação (ProGrad), Prefeitura Universitária dos campi, Diretorias de Campus e dos Centros, os departamentos envolvidos e o Comitê Gestor da Pandemia (CGP), que viabilizou em pouco mais de um mês a realização dos concursos, com a primeira fase realizada na última semana.

“A pandemia impôs uma nova realidade e precisamos adaptar a realização dos concursos. Foram muitas reuniões e o trabalho incansável da equipe de provimento da ProGPe e de mais de 100 pessoas para propormos um novo modelo que contemple as etapas dos processos seletivos em formato híbrido, priorizando a saúde de todas as pessoas e a segurança dos processos”, comentou a Pró-Reitora da Gestão de Pessoas, Jeanne Liliane Marlene Michel.

A Pró-Reitora explicou também que foi montada uma equipe para definir toda a logística e acompanhar cada edital, com o mesmo cronograma e realização em quatro etapas: prova escrita, prova didática, avaliação do currículo pela banca e arguição do plano de trabalho.

A expectativa é de conclusão e homologação dos certames até o dia 1º de julho, uma vez que por este ser um ano eleitoral, a partir de 90 dias antes da data da eleição é vedada a contratação de qualquer servidor cujo concurso não tenha sido homologado previamente a esse prazo.

Karime Vieira Albuquerque, Chefe do Departamento de Provimento e Movimentação (DiDP/ProGPe), comentou que realizar um concurso neste formato está sendo um grande aprendizado para toda a equipe e evidenciou a importância do trabalho em equipe e do comprometimento de todas as pessoas e unidades envolvidas.

Maria Inez Carpi Migliati, Diretora da Divisão de Desenvolvimento de Pessoas da ProGPe, destacou também que, a partir desta primeira experiência, o modelo de concursos em formato híbrido será aprimorado para os editais futuros.

Além destes 15 editais, estão em andamento o concurso para técnico-administrativo para a função de assistente administrativo e o de médico do trabalho. Como a partir de julho os editais não podem mais ser realizados por conta do período eleitoral, conforme determinado pela Lei 9.504/97, a expectativa é que sejam retomados novamente e com força total a realização dos concursos no início de 2023.

Leave a Comment

Filed under COVID-19, Gestão de pessoas, Oportunidades, Processos seletivos

Comments are closed.