Processo de transferência do Hospital Escola para a UFSCar termina no dia 8 de abril

No próximo dia 8 de abril, termina oficialmente o período de transferência do Hospital Escola (HE) de São Carlos da Prefeitura Municipal para a UFSCar. O prazo foi estipulado em abril do ano passado, quando a Câmara Municipal de São Carlos autorizou a transferência, com previsão de um período de transição que se encerra neste momento. Para receber definitivamente o Hospital, a Universidade, juntamente com a Ebserh (Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares) – responsável pela gestão operacional do Hospital desde outubro do ano passado, a partir de contrato firmado com a Universidade –, está dando continuidade a uma série de providências, que dizem respeito à contratação de pessoal, à modernização e à remodelação da infraestrutura do Hospital, à participação da Universidade nas atividades do HE e aos recursos financeiros de custeio e investimentos, dentre outros aspectos.

Gestão

Em relação à gestão do Hospital, desde fevereiro deste ano o ex-Reitor e docente do Departamento de Fisioterapia da UFSCar José Rubens Rebelatto é Superintendente do HE, cargo que assumiu após deixar a presidência da Ebserh. Em março, o docente do Departamento de Medicina da UFSCar Sérgio Luiz Brasileiro Lopes – que já atuava como Diretor Técnico do Hospital – foi cedido à Ebserh para exercer o cargo de Gerente de Ensino e Pesquisa no Hospital. Para o cargo de Gerente Administrativo está sendo nomeado Gilberto Taboga, que conta com a experiência de mais de 30 anos atuando na administração do Hospital das Clínicas da Universidade de São Paulo. A terceira gerência, de Atenção à Saúde, ainda está sendo definida.

Além das gerências, a nova estrutura administrativa do Hospital prevê a existência de cinco divisões e 11 setores. Para as três divisões da Gerência de Atenção à Saúde está sendo encaminhada a cessão de três docentes da UFSCar (dos departamentos de Medicina e de Enfermagem) para o exercício dessas funções e, das cinco divisões dessa mesma gerência, três também deverão ser ocupadas por docentes da Universidade (também dos departamentos de Medicina e Enfermagem). Além disso, já está previsto que os dois setores da Gerência de Ensino e Pesquisa e um setor da Gerência Administrativa sejam coordenados por docentes da UFSCar, dos departamentos de Fisioterapia, Terapia Ocupacional e Engenharia de Produção. Com a cessão, os docentes podem continuar exercendo suas atividades de ensino na Universidade, e seus projetos de pesquisa e extensão deverão ser desenvolvidos no Hospital.

Pessoal

No início do mês de março, a Ebserh também lançou concurso público para a contratação de 288 profissionais para atuação no Hospital Escola, com 179 vagas na área assistencial, 75 na área médica e 34 na área administrativa. As inscrições vão até o dia 9 de abril e a expectativa é que, se não houver intercorrências, o novo quadro de pessoal esteja contratado até o mês de outubro. Até lá, será necessário manter a atual equipe do HE e, para tanto, a Universidade deverá firmar convênio com a Sahudes (Sociedade de Apoio, Humanização e Desenvolvimento de Serviços de Saúde), organização que, desde a inauguração do Hospital, foi responsável por sua gestão operacional por meio de convênio com a Prefeitura Municipal de São Carlos.

Infraestrutura

Outra área do Hospital para a qual já estão sendo realizados ou estão previstos investimentos é a de infraestrutura. No último dia 25, foi publicada no Diário Oficial da União decisão do Ministério da Saúde que permitirá o repasse de cerca de R$ 5,6 milhões à Fundação de Apoio Institucional ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico da UFSCar (FAI) para continuidade das obras referentes aos terceiro e quarto módulos do Hospital. Inicialmente, parte desses recursos – cerca de R$ 3 milhões – serão destinados à elaboração do projeto executivo das obras, cujo valor total estimado é de R$ 35 milhões. Também já está em andamento o repasse, por meio da Ebserh, de R$ 4,5 milhões destinados ao custeio operacional do HE, em três parcelas, sendo que a primeira já está na Universidade e as outras duas estão previstas para os meses de junho e setembro. Paralelamente, a Ebserh já realizou alguns investimentos na infraestrutura do Hospital Escola – como a destinação de computadores, mobiliário de escritório e 50 camas eletrônicas – e outros já estão programados, para aquisição de um conjunto de equipamentos de diagnóstico, como aparelhos de ultrassonografia, mamografia, raio X e exames cardiológicos, dentre outros.

Finalmente, ainda é necessário equacionar, junto à Prefeitura Municipal de São Carlos, o repasse de recursos de custeio devidos, bem como a aquisição de equipamentos com recursos da ordem de R$ 14 milhões que já estão no Fundo Municipal de Saúde e são destinados exclusivamente a esse fim. Para tratar dessas questões, o Reitor da UFSCar, Targino de Araújo Filho, tem reunião com o Prefeito Municipal Paulo Altomani agendada para esta quinta-feira (2/3), às 16 horas.

Comentários desativados em Processo de transferência do Hospital Escola para a UFSCar termina no dia 8 de abril

Filed under Saúde

Comments are closed.