Forgepe: Grupo de Trabalho busca aproximação com o Ministério do Planejamento na área de sistemas de informação

Foi realizada no dia 13 de maio a primeira reunião para tratar da relação entre o Sistema de Gestão de Pessoas (Sigepe) do Governo Federal e seus correspondentes nas Instituições Federais de Ensino Superior (IFES). O encontro colocou em contato o Departamento de Gestão dos Sistemas e Informações das Estruturas e da Força de Trabalho (Desin) do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) e um Grupo de Trabalho do Fórum Nacional de Pró-Reitores de Gestão de Pessoas (Forgepe), coordenado por Juliana Blau, da Secretaria de Gestão de Pessoas da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Da UFSCar, participaram o Pró-Reitor de Gestão de Pessoas, Mauro Rocha Côrtes, que preside o Forgepe, e Cláudia Alves de Souza Mello, Chefe do Departamento de Planejamento e Implantação de Sistemas da Secretaria Geral de Informática. Além da UFSC e da UFSCar, compõem o GT outras 13 universidades federais de todo o País.

“A reunião foi um marco inicial desse diálogo entre o Grupo de Trabalho e o Desin, resultando no estabelecimento do GT como o interlocutor das IFES nesse processo de migração do Siape [Sistema Integrado de Administração de Recursos Humanos] para o Sigepe. Tínhamos cerca de 10 pontos de pauta, e a maior parte deles puderam ser encaminhados, o que me faz avaliar a reunião como uma conquista muito importante”, avalia Côrtes. “O Siape e, em breve, o Sigepe, são os sistemas estruturantes na área de gestão de pessoas do Governo Federal, mas os tipos de relatórios que conseguimos extrair deles nem sempre atendem todas as necessidades e as especificidades de cada uma de nossas instituições. Portanto, estamos trabalhando no sentido da garantia de uma interface que nos permita o acesso aos dados para que, a partir deles, possamos gerar nossos próprios indicadores que, por sua vez, irão subsidiar nossas políticas e metas para a área”, afirma a coordenadora do grupo de trabalho. “Como podemos construir políticas se não soubemos para quem, por que e com quais objetivos? É para responder a essas questões e nos permitir uma melhor utilização da informação, para que ganhemos mais agilidade, quantidade e qualidade de dados sobre a área de gestão de pessoas, que os resultados desse diálogo com o Ministério são fundamentais”, complementa Blau.

Um dos desdobramentos da reunião, que teve a participação do Diretor do Desin, Luis Felipe Salin Monteiro, foi a escolha de quatro universidades para o desenvolvimento de uma experiência piloto de integração entre o Siape/Sigepe e seus sistemas próprios de gestão de pessoas, sendo que a UFSCar é uma delas. As outras são as universidades federais de Brasília (UnB), de Santa Catarina (UFSC) e da Integração Latino-Americana (Unila). “A sincronização de dados entre o Sigepe e, no nosso caso, o Sagui [Sistema de Apoio à Gestão Universitária Integrada], trará muitas vantagens, como a ampliação da consistência das informações a serem utilizadas em processos de tomada de decisão e, também, a eliminação da necessidade de algumas duplicações de esforços que existe na configuração atual. A integração facilitará sobremaneira a emissão de relatórios e, no nosso caso, uma vantagem é que o Sagui utiliza as tecnologias mais recentes, o que tornará a abordagem dessa integração muito mais simples”, revela Mello.

Outros tópicos abordados na reunião foram estratégias para contornar eventuais consequências negativas da interrupção no envio da versão impressa do aviso de créditos (hollerith) aos servidores; fragilidades nas ferramentas de diálogo entre a Secretaria de Gestão Pública (Segep) do MPOG e os gestores da área nas IFES; e o processo de implantação do Assentamento Funcional Digital, dentre outros assuntos.

Comentários desativados em Forgepe: Grupo de Trabalho busca aproximação com o Ministério do Planejamento na área de sistemas de informação

Filed under Gestão de pessoas

Comments are closed.