Exposição de trabalhos sobre os 45 anos da UFSCar é inaugurada com roda de conversa no Campus Sorocaba

memoria

Exposição fica na Biblioteca do Campus Sorocaba até dia 4 e, depois, segue para o Núcleo de Extensão em Educação, Tecnologia e Cultura, no centro de Sorocaba (Foto: João Justi – SeCS-Sor/UFSCar)

No dia 23 de novembro, foi inaugurada no Campus Sorocaba a exposição “UFSCar 45 Anos – Memória da Extensão”, cujo objetivo é divulgar para as comunidades interna e externa à Universidade os produtos desenvolvidos pelas atividades vinculadas ao edital especial de apoio a atividades de extensão com temática específica sobre a memória da UFSCar, realizado pela Pró-Reitoria de Extensão (ProEx) no marco das comemorações dos 45 anos da UFSCar. Participam da exposição – que já foi exibida no Campus São Carlos – 23 trabalhos contemplados no edital, com material produzido por integrantes da comunidade universitária dos quatro campi da Universidade.

Na ocasião do lançamento, houve roda de conversa com a participação de Rita de Cássia Lana, docente do Departamento de Geografia, Turismo e Humanidades (DGTH) do Campus Sorocaba; do Diretor do Centro de Ciências Agrárias (CCA), do Campus Araras, Jozivaldo Prudêncio Gomes de Morais; e de Wilson Alves-Bezerra, Coordenador de Cultura da ProEx. Na conversa, Morais falou sobre a história do Campus Araras desde o seu surgimento, no início da década de 1990, passando pela expansão a partir do Programa de Apoio a Planos de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais (Reuni), até os desafios atuais para a continuidade do desenvolvimento do Campus. Já Rita de Cássia Lana abordou aspectos da identidade institucional da UFSCar em sua formação histórica. Para a professora – que, em sua pesquisa de doutorado, investigou documentos oficiais da UFSCar produzidos entre os anos de 1988 e 2002 –, o resgate da história da Universidade torna evidente como a Instituição sempre esteve inserida nas discussões sobre as políticas educacionais em âmbito nacional. “É muito clara, no perfil da UFSCar, a postura de trazer para dentro de suas instâncias as questões sociais que demandam reflexão crítica, com o objetivo de contribuir com o avanço do País, nas mais diferentes áreas. Além disso, é evidente como a Universidade, historicamente, peleja para garantir a participação de todos os seus atores nas decisões institucionais”, afirmou.

Para o Coordenador de Cultura da ProEx, trabalhos como os apresentados na exposição “permitem reflexões sobre a trajetória da Instituição necessárias para, a partir do conhecimento e experiência acumulados, empreendermos as transformações desejadas e construirmos a Universidade que desejamos”. A exposição continua aberta à visitação na Biblioteca do Campus Sorocaba até a próxima sexta-feira (4/12) e, no dia 7, o material segue para o Núcleo de Extensão em Educação, Tecnologia e Cultura (ETC) da UFSCar, também em Sorocaba. Em janeiro do próximo ano, a exposição será inaugurada no Campus Lagoa do Sino.

Comentários desativados em Exposição de trabalhos sobre os 45 anos da UFSCar é inaugurada com roda de conversa no Campus Sorocaba

Filed under Extensão

Comments are closed.