Conselho Universitário aprova proposta de rua urbanizada conectando área já construída do campus São Carlos com região destinada à expansão

O Conselho Universitário (ConsUni) da UFSCar, reunido na manhã desta sexta-feira (18/1), aprovou proposta de construção de uma rua urbanizada conectando a área já construída com a região destinada à expansão do campus São Carlos da Instituição. O projeto foi apresentado pela Administração Superior da UFSCar considerando a necessidade de travessia, para a integração entre as duas regiões do Campus, por uma área de cerca de 50 hectares ocupada por vegetação de cerrado em regeneração. Agora, a proposta aprovada pelo Conselho será encaminhada à Cetesb (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo), órgão responsável por processos de licenciamento ambiental no Estado.
A ocupação do extremo Norte do campus São Carlos da UFSCar está prevista desde 1985. Em 2004, a primeira versão do Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) da Universidade reforçou essa diretriz. Em 2007, a discussão foi levada para fora do âmbito institucional, quando um grupo de docentes e estudantes que defende que o fragmento de cerrado seja preservado integralmente ingressou com representação junto ao Ministério Público Federal (MPF) solicitando o acompanhamento da expansão física da Universidade. Desde então, foram elaboradas diferentes propostas para a conexão da região destinada à expansão à área já urbanizada do campus São Carlos, sendo que, inicialmente, previa-se a urbanização de 85% da área hoje ocupada pelo cerrado em regeneração, com destinação de 15% a um corredor de cerrado que conectaria as áreas de reserva legal existentes nas margens direita e esquerda do fragmento. A proposta atual, aprovada pelo Conselho Universitário, prevê a manutenção de 90% da área com vegetação de cerrado em regeneração, com o uso de apenas 10% para a construção da rua urbanizada de baixa velocidade, com medidas voltadas à minimização das interferências sobre o cerrado. Detalhes do projeto, bem como o histórico do debate, podem ser conferidos no documento apresentado pela Administração Superior ao ConsUni e divulgado para toda a comunidade universitária.
“A definição sobre a expansão futura da UFSCar é de extrema relevância e, como é prática histórica na Instituição, a decisão foi tomada em um processo participativo e democrático. Para nós, sempre foi muito importante garantir que o campus São Carlos não fosse dividido em dois e que os deslocamentos pudessem ser realizados com segurança por todos os integrantes da comunidade universitária. A proposta apresentada neste momento representa um avanço importante em relação a projetos anteriores, já que preserva 90% do fragmento com vegetação de cerrado em regeneração, além de prever compensação ambiental em região mais ao Norte do Campus que favorecerá a conexão com outros fragmentos externos à Universidade”, avalia o Reitor da UFSCar, Targino de Araújo Filho. “Além disso, é importante destacar que o debate não se encerra aqui. Além da etapa de análise pela Cetesb, internamente também nos comprometemos a, a partir da aprovação da travessia, continuar discutindo o detalhamento de como será concretizada a rua urbanizada, com envolvimento dos diferentes segmentos da comunidade universitária. Como foi destacado hoje no ConsUni, esta será inclusive uma oportunidade de pesquisa e produção de conhecimento sobre as melhores alternativas de solução para questões como esta enfrentada pela UFSCar”, conclui.

Comentários desativados em Conselho Universitário aprova proposta de rua urbanizada conectando área já construída do campus São Carlos com região destinada à expansão

Filed under Conselhos

Comments are closed.