Conselho de Gestão de Pessoas aprova modelos de editais de Redistribuição para docentes e TAs

Reunião foi presidida pela Pró-Reitora de Gestão de Pessoas, Jeanne Liliane Marlene Michel

Visando atender aos princípios constitucionais de transparência e impessoalidade da administração pública, o Conselho de Gestão de Pessoas (CoGePe) da UFSCar aprovou, nesta semana, a minuta de resolução que normatiza os processos de redistribuição de servidores de outras instituições federais para a UFSCar, na modalidade de permuta de “pessoa” por “vaga”. A nova norma inclui, como anexos, modelos de Editais de Chamada Pública para Redistribuição de Servidores, tanto para cargos de docentes como de técnico-administrativos.

Os documentos devem ser usados pelos departamentos acadêmicos e unidades administrativas da UFSCar para guiar a elaboração das chamadas públicas, sempre que a área tiver interesse em utilizar este mecanismo para provimento de alguma vaga em aberto, podendo, com apoio da Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (ProGPe), definir os critérios que serão utilizados para selecionar os candidatos que se apresentarem.

Até o ano passado, não se faziam editais para este tipo de transferência. A redistribuição ocorria por demanda espontânea. Ou seja, pessoas interessadas procuravam a UFSCar, realizavam a solicitação por meio da ProGPe, que remetia aos departamentos para análise interna e informal. As novas minutas, elaboradas por uma comissão, foram debatidas no CoGePe ao longo de algumas reuniões realizadas nas últimas semanas, todas disponíveis no canal UFSCar Oficial no Youtube.

Dentre outras questões, foram discutidos os documentos e pré-requisitos que devem ser exigidos, a composição e as competências da comissão julgadora, fases do processo seletivo e pontuação. A importância de se respeitar o uso do nome social ao longo da seleção de candidatas e candidatos também foi ressaltada pelos membros do CoGePe.

Algumas Chamadas Públicas de Redistribuição da UFSCar já usam o modelo de referência dos editais examinados pelo Conselho, como as que ocorrem atualmente nos departamentos de Matemática, em São Carlos, Economia, no Campus Sorocaba, além de quatro outros processos no Campus Lagoa do Sino. Agora, os editais seguem para aprovação no Conselho Universitário (ConsUni) da UFSCar.

Leave a Comment

Filed under Conselhos, Gestão, Gestão de pessoas, Sem categoria

Comments are closed.