CoAd: Conselho aprova relatório de atividades da Ouvidoria e discute modelo de esforço docente

O Conselho de Administração da UFSCar (CoAd) realizou no dia 26 de fevereiro sua 33ª Reunião Ordinária, na qual apreciou e aprovou o Relatório de Atividades 2015 da Ouvidoria da Universidade. Dentre os principais pontos do documento, destaca-se o índice de respostas à comunidade consideradas conclusivas: 96% das 647 manifestações recebidas no ano. Além disso, a diminuição no número de manifestações em relação ao ano anterior foi atribuída à consolidação da unidade, implantada em 2012, e da maior compreensão de seu papel na Universidade. Isto porque cada vez mais a Ouvidoria é acionada somente após o setor de interesse ser procurado sem êxito. Também foi destacado o esforço de diferentes setores da Universidade como responsável tanto pela diminuição no número de manifestações quanto pelo aumento de respostas conclusivas, indicando o crescente sucesso do trabalho conjunto com a Ouvidoria. O relatório também registra que a unidade tem sido demandada a auxiliar na mediação de conflitos e convidada a participar de eventos em outras instituições.

Os conselheiros também deliberaram pela continuidade dos trabalhos da comissão formada em abril do ano passado para elaborar o novo modelo de cálculo do esforço docente na Universidade, que será utilizado para a distribuição, entre os departamentos, das vagas de docentes que são criadas no quadro de pessoal da Instituição. Formada pelos pró-reitores de Gestão de Pessoas (que a preside), de Graduação e de Pós-Graduação, e pelos diretores dos sete Centros Acadêmicos da UFSCar, a comissão dará continuidade à elaboração do modelo, e apresentará os resultados em reunião extraordinária prevista para setembro deste ano.

O calendário, pautas e deliberações do CoAd podem ser acompanhados no site da Secretaria de Órgãos Colegiados.

Comentários desativados em CoAd: Conselho aprova relatório de atividades da Ouvidoria e discute modelo de esforço docente

Filed under Conselhos

Comments are closed.