Category Archives: Saúde

HU vai receber recursos para projetos de Farmácia Satélite e para a consolidação do núcleo e-Saúde por emenda parlamentar do Deputado Federal Paulo Teixeira

Ana Beatriz de Oliveira e Thiago Russo (esq.) em encontro com o deputado Paulo Teixeira

Ana Beatriz de Oliveira e Thiago Russo (esq.) em encontro com o deputado Paulo Teixeira (Analice Garcia)

A Reitora da UFSCar, Ana Beatriz de Oliveira, e o Gerente de Ensino e Pesquisa do Hospital Universitário da Universidade Federal de São Carlos (HU-UFSCar/Ebserh/MEC), Thiago Russo, participaram de reunião na última sexta-feira (27/8) com o Deputado Federal Paulo Teixeira (PT), para apresentar os projetos da Universidade referentes ao HU e os desafios enfrentados devido ao corte orçamentário, que atinge todas as Instituições Federais de Ensino Superior (IFES).

No encontro, foram destacados três projetos que necessitam de recursos para que sejam implementados no HU, sendo dois referentes a estruturação das farmácias satélites do Centro Cirúrgico e da Unidade de Terapia Intensiva Adulto e o outro a consolidação do Núcleo e-Saúde, ampliando as atividades de telessaúde e teleducação focadas no SUS, o que vai beneficiar todos os equipamentos de Saúde da UFSCar, como a Unidade Saúde Escola (USE), por exemplo.

“Apresentamos ao deputado a importância da aplicação dessas propostas para o desenvolvimento contínuo do HU em busca da formação dos estudantes a partir da excelência no atendimento à população regional e recebemos, com muita satisfação, o comprometimento para que possamos viabilizar mais essas etapas”, destacou a Reitora.

De acordo com Thiago Russo, a estruturação física das farmácias com mobiliários específicos vai permitir o armazenamento e a organização adequada das medicações, melhorando a eficiência da distribuição e o controle dos medicamentos, no sentido de evitar perdas e garantir agilidade na distribuição dos medicamento para as pessoas que estão no Centro Cirúrgico e na Unidade de Terapia Intensiva Adulto.

O investimento no Núcleo e-Saúde beneficia não apenas o HU e a Unidade de Simulação em Saúde (USS), mas também a USE. Juntas, essas unidades poderão receber apoio de infraestrutura tecnológica para atender a população regional a partir de teleatendimento, bem como realizar a capacitação de profissionais do Sistema Único de Saúde (SUS).

Com relação ao orçamento, o deputado reforçou o apoio à mobilização dos reitores das IFES pela recomposição orçamentária e se comprometeu a agendar nas próximas semanas uma reunião com a senadora Rose de Freitas (MDB), que é relatora do projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), para avançar no debate.

Leave a Comment

Filed under Saúde

Artigo destaca protagonismo da UFSCar nas ações de assistência e permanência estudantil no cenário da pandemia da Covid-19

Na Pauta 28

Resultado do artigo e as ações da UFSCar foram debatidas na edição 28 de Na Pauta (Reprodução)

Em um contexto como o da pandemia da Covid-19, em que se intensificam as vulnerabilidades sociais, um estudo feito por pesquisadores da área de Serviço Social e publicado na Revista Serviço Social em Perspectiva evidencia a importância dos programas de assistência e permanência estudantil para garantir a permanência dos estudantes no Ensino Superior e apresenta os resultados de uma análise de como esses programas se adaptaram para auxiliar os estudantes nesta nova realidade.

Intitulado “A Assistência Estudantil e a Covid-19: o contexto das Universidades Federais Paulistas”, o artigo, de autoria de pesquisadores da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), da Universidade Federal do ABC (UFABC) e da Universidade Federal da Bahia (UFBA), examinou os impactos da pandemia sobre os programas de assistência e permanência das universidades federais do estado de São Paulo – Unifesp, UFSCar e UFABC.

O estudo avaliou como as universidades têm atuado na atenção à saúde, moradia, alimentação, e aos estudantes, pais, mães e responsáveis. Também abordou a inclusão digital e a oferta de auxílio emergencial institucional. Confira aqui o estudo na íntegra.

De acordo com Eduardo Henrique Moraes Santos, um dos autores do artigo, doutorando no Programa de Políticas Públicas na UFABC e docente no curso de Serviço Social na Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), a estrutura da assistência estudantil institucional da UFSCar já existente antes da pandemia foi determinante na sua reorganização para a proteção dos direitos discentes.

“A partir da análise dos programas da UFSCar, foi possível identificar o protagonismo da Universidade em diversos setores da assistência estudantil, com destaque para a proteção alimentar, uma vez que os restaurantes universitários reconfiguraram sua atuação, incluindo novos serviços, para garantir a segurança alimentar dos estudantes, principalmente dos em situação de vulnerabilidade social”, disse.

O autor informou ainda que a UFSCar também se destaca em relação à moradia universitária, sendo a única entre as federais paulistas com esse recurso, o que foi essencial para a proteção dos direitos estudantis nesse contexto de pandemia. Vale mencionar as ações de atenção à saúde mental e inclusão tecnológica, sendo esta última uma novidade para as universidades paulistas.

O resultado do artigo e a atuação da UFSCar nos programas de assistência e permanência estudantil no contexto da pandemia foram destaque na edição #28 de Na Pauta, em entrevista realizada com Santos, com o Pró-Reitor de Assuntos Comunitários e Estudantis, Djalma Ribeiro Junior e com o Pró-Reitor de Administração Adjunto, Luiz Manoel de Almeida. Assista!

Leave a Comment

Filed under Assuntos Comunitários e Estudantis, COVID-19, Saúde

Grupo Técnico de Vigilância Epidemiológica da UFSCar desenvolve guia com os protocolos e as diretrizes técnicas para a vigilância epidemiológica da Covid-19

Logo Vencendo a Covid-19

Guia traz os protocolos e as diretrizes técnicas para a realização da vigilância epidemiológica da Covid-19 (Arte: CCS/UFSCar)

Desde a chegada da pandemia da Covid-19 ao Brasil, a UFSCar tem adotado inúmeras medidas para proteger e informar a comunidade universitária, bem como desenvolvido inúmeras pesquisas – mais de duzentas – sobre algum aspecto da pandemia, com temas que vão além da área da Saúde e respondem ao caráter multidimensional da crise enfrentada.

Uma das ações internas que colocou a UFSCar como protagonista no enfrentamento da pandemia nos campi foi a implementação do plano Vencendo a Covid-19, que tem estabelecido diretrizes e critérios para o controle interno da pandemia, a fim de permitir a retomada segura das atividades presenciais. No sentido de auxiliar no cumprimento dessas diretrizes e desses critérios, o Grupo Técnico de Vigilância Epidemiológica da UFSCar desenvolveu o Guia para a Vigilância Epidemiológica Integrada na Universidade Federal de São Carlos.

“O guia contém os protocolos e as diretrizes técnicas para a realização da vigilância epidemiológica da Covid-19 na comunidade universitária e tem como objetivo orientar as medidas a serem adotadas em campo pela vigilância epidemiológica com fins de bloquear cadeias de transmissão da Covid-19. Com uma linguagem acessível, o guia também é destinado à comunidade universitária como um todo para que possam colaborar com o controle da transmissão comunitária do vírus”, explica o docente do Departamento de Medicina (DMed) e integrante do Vencendo a Covid-19, Bernardino Geraldo Alves Souto.

O guia traz informações sobre as características gerais da Covid-19, as estratégias operacionais para o controle da sua transmissão nos campi da UFSCar, a atuação da Vigilância Epidemiológica e como se dará a detecção e o rastreamento dos casos, entre outros pontos. O manual está disponível neste link para leitura e download. Acesse!

Leave a Comment

Filed under COVID-19, Saúde

Pró-Reitoria de Extensão lança edital especial para a realização de projetos com foco em Qualidade de Vida e Saúde Mental

logo da Pró-Reitora de Extensão

16/8 é o prazo máximo para as propostas aprovadas pelas chefias darem entrada na área da ProEx no sistema ProExWeb (Reprodução)

A Pró-Reitoria de Extensão (ProEx) lança o edital especial de projetos temáticos de Extensão: Qualidade de Vida e Saúde Mental, que vai selecionar até 15 propostas de extensão para serem apoiadas, cada uma, com quatro meses de bolsa de extensão para estudantes de graduação regularmente matriculados na UFSCar.

“Neste edital, idealizado em parceria com as Pró-Reitorias de Assuntos Comunitários e Estudantis (ProACE) e de Gestão de Pessoas (ProGPe), colocamos em prática a nossa proposta de ampliar, fortalecer e incentivar as atividades de extensão de forma interdisciplinar, permitindo a atuação em rede na Universidade, com foco na promoção da qualidade de vida e na saúde mental”, disse a Pró-Reitora de Extensão, Ducinei Garcia.

O Pró-Reitor de Extensão Adjunto, Fábio Gonçalves Pinto, explica que o edital levou em consideração os impactos da pandemia da Covid-19 nas diferentes esferas da vida cotidiana e pretende promover a articulação de atividades de ensino e pesquisa com os cuidados necessários com a qualidade de vida da comunidade universitária.

A submissão de proposta, aberta a partir da data de publicação do Edital (19/7), é exclusivamente pelo sistema ProExWeb por meio de preenchimento de formulário específico disponível na opção “Propor uma nova atividade”. Confira as instruções detalhadas para o uso do sistema ProExWeb. As propostas precisam ser vinculadas a um Programa de Extensão e detalhar objetivo, plano de trabalho, pessoas, grupos e/ou coletivos a serem atendidos e cronograma de execução com início das atividades previsto para 1/11, com duração mínima de quatro meses e máxima de seis meses.

Cada proponente deve acompanhar o fluxo de sua proposta no ProExWeb tal a garantir que o trâmite de aprovação pelas chefias dos setores e/ou departamentos (da equipe de trabalho envolvida nas atividades) ocorra até o dia 16/8. Este é o prazo máximo para as propostas aprovadas pelas chefias darem entrada na área da ProEx no sistema ProExWeb. Também em 16/8, a etapa de análise de admissão se encerra e, em seguida, apenas as propostas admitidas serão encaminhadas para a avaliação de mérito dos consultores. Acesse o edital na íntegra para compreender todos os detalhes.

O edital conta com três eixos temáticos, e as propostas das atividades de extensão devem englobar ao menos um deles: Qualidade de Vida e Promoção da Saúde (ações de promoção à saúde sobre a Covid-19); Cultura e Promoção da Qualidade de Vida (atividades com foco na oferta de ações culturais em suas dimensões simbólica, econômica e cidadã) e Qualidade de Vida e Promoção dos Direitos Humanos (atividades com foco em educação em direitos humanos, educação das relações étnico-raciais, educação das relações de gênero, inclusão e acessibilidade).

Podem participar do edital servidores docentes e técnico-administrativos efetivos ou voluntários/seniores (desde que contemplem atividades de extensão em seu plano de trabalho e que o período de contratação engloba o período do Edital), sem atrasos na entrega de relatório (s) de Atividades de Extensão finalizadas até dezembro de 2020 sob sua responsabilidade. Só será aceita a submissão de uma única proposta por servidor, na função de coordenação do projeto.

Leave a Comment

Filed under Extensão, Saúde

Pró-Reitoria de Administração prioriza gestão integrada e segurança alimentar no Restaurante Universitário

Kit alimentos in natura

RU oferece, aos finais de semana, kits com alimentos frescos e de qualidade (Divulgação)

A segurança alimentar tem como propósito garantir o direito de todos e todas ao acesso regular e permanente a alimentos de qualidade, e em quantidade suficiente, a partir de práticas alimentares promotoras da saúde, que respeitem a diversidade cultural e que sejam ambiental, cultural, econômica e socialmente sustentáveis. É a partir dessa estratégia que a Pró-Reitoria de Administração (ProAd) tem gerido o Restaurante Universitário (RU) em todos os campi da UFSCar.

Com uma governança de olhar multidimensional e multissetorial, o gerenciamento dos RUs tem sido feito de forma integrada através de parcerias com a Pró-Reitoria de Assuntos Comunitários e Estudantis (ProACE), a equipe do RU, a Secretaria de Gestão Ambiental e Sustentabilidade (Sgas), a Secretaria Geral de Ações Afirmativas, Diversidade e Equidade (SAADE), as Diretoria de Campus, entre outras unidades.

Luiz Manoel Almeida, Pró-Reitor de Administração Adjunto, explica que esse movimento já tem ocorrido e que será oficializado nas próximas semanas com a implementação da Rede Integrada de Segurança Alimentar (RISA), estruturada em cinco áreas temáticas: Integração dos Serviços Alimentares, Agricultura Familiar, Apoio a Eventos, Nutrição e Segurança Alimentar, Relações Institucionais.

“A segurança alimentar é nossa prioridade e já estamos atuando nessa estratégia que, a partir das áreas temáticas, vai nos permitir atuar de forma multicampi, assegurando a transparência e com processos padronizados. A gestão integrada permite uma rede de apoio para as ações operacionais, de infraestrutura e de uso de espaços públicos e as de sustentabilidade, acessibilidade e diversidade”, comentou.

A atuação em cinco áreas temáticas será o diferencial nessa administração do RU, permitindo a melhoria contínua dos serviços. A área de Integração dos Serviços Alimentares, por exemplo, vai padronizar as atividades das lanchonetes, dos serviços de food trucks e dos vendedores autônomos por meio de capacitação e normativas para a realização das atividades de forma segura.

No segmento de Nutrição e Segurança Alimentar, a capacitação e treinamento dos profissionais do RU é prioridade, por isso serão realizados minicursos regulares. A ideia é que esse cursos com foco em boas práticas alimentares sejam estendidos também para a comunidade.

A Agricultura Familiar estará presente nos alimentos adquiridos pelo RU e também em espaços de comercialização permanentes acessíveis para toda a comunidade.

Um exemplo importante da atuação multissetorial é a parceria da ProAd com a ProACE no oferecimento de refeições à comunidade universitária, principalmente para os estudantes que participaram dos programas de assistência estudantil, diante do desafiador cenário da pandemia e do corte orçamentário.

Além da oferta de marmitas que acontece desde o início da pandemia, o RU oferece, aos finais de semana, os kits com alimentos in natura, composto sempre por alimentos frescos, de qualidade e variados, atendendo também aos pedidos e preferências dos estudantes. Somam-se a isso a diminuição dos preços junto aos Restaurantes Universitários e o serviço de entrega de refeições para os estudantes bolsistas que residem fora dos campi.

“Atuamos para oferecer uma alimentação balanceada, com qualidade nutricional e dos produtos, variedade na oferta de refeições, atendendo aos pedidos e sugestões dos estudantes. Além de opções vegetarianas e veganas, criamos um prato de destaque da semana. Desde que essas medidas foram adotadas, o RU tem entregue 930 refeições por dia nos quatro campi, sempre seguindo todas as medidas sanitárias impostas pela pandemia”, explicou Rita de Cássia Oliveira Sant’Ana, nutricionista responsável pela fiscalização técnica dos RUs.

Quando houver o controle da pandemia de Covid-19 e a retomada das atividades presenciais na Universidade, a gestão irá atuar para tornar os RUs espaços ainda mais acessíveis e de convivência da comunidade interna, com a realização de atividades culturais e artísticas.

Leave a Comment

Filed under Infraestrutura, Saúde