Category Archives: Pós-graduação

ProACE e ProPG lançam primeiro processo seletivo para a inclusão digital de estudantes da Pós-Graduação

Processo seletivo para a inclusão digital de estudantes da Pós-Graduação

Edital irá fornecer 200 chips com acesso a pacote de dados de Internet (Divulgação)

As pró-reitorias de Assuntos Comunitários e Estudantis (ProACE) e de Pós-Graduação (ProPG) da UFSCar lançam um edital inédito para promover a inclusão digital de estudantes de pós-graduação em situação de vulnerabilidade, a partir do fornecimento de 200 chips com acesso a pacote de dados de Internet, dentro do escopo do Projeto Alunos Conectados RNP/MEC.

Os chips serão destinados, sem custo, para estudantes vinculados aos programas de pós-graduação da Universidade com renda familiar per capita de 1,5 salário mínimo, enquanto estiver vigente o projeto Alunos Conectados.

“Diante dos impactos da pandemia de Covid-19, e mesmo diante de um cenário desafiador no que diz respeito ao orçamento para assistência estudantil, que tem sofrido cortes sistemáticos nos últimos anos, estamos buscando formas de garantir aos estudantes em situação de vulnerabilidade as condições necessárias para realizarem suas atividades acadêmicas”, destaca Djalma Ribeiro Junior, Pró-Reitor da ProACE.

Os estudantes que preencherem os requisitos devem se inscrever no processo seletivo entre os dias 26/3 e 5/4, exclusivamente pelo site www.associal.com.br/ufscar. As pessoas interessadas que, devido a dificuldades de comunicação pela Internet, não conseguirem realizar a inscrição online, podem registrar seu interesse justificando a impossibilidade de envio online por correspondência com Aviso de Recebimento (AR), com data de postagem até 7/4.

Todos os candidatos devem preencher as declarações que constam no edital. Os que fizerem a inscrição online devem responder o Anexo 2 e os que manifestarem o interesse  por correspondência devem enviar para o endereço listado no edital o Anexo 3 devidamente preenchido. Além disso, os estudantes devem apresentar documentos que comprovem a renda de cada membro da família. Todas as informações sobre o processo seletivo estão disponíveis aqui. As dúvidas sobre este edital devem ser enviadas exclusivamente para o e-mail apoiodigital@associal.com.br.

“Sabemos das dificuldades enfrentadas por conta das atividades remotas e, por isso, as pró-reitorias têm trabalhado em conjunto para traçar estratégias que possibilitem aos estudantes minimizar esses entraves, para que possam realizar seus estudos e pesquisas de forma não presencial”, comenta o Pró-Reitor da ProPG, Rodrigo Constante Martins.

Confira os prazos do processo seletivo:

• Inscrição online: 26/3 a 5/4

• Postagem de correspondência com AR (exclusivo para quem não tem acesso à Internet):  até 7/4

• Resultado preliminar: 12/4

• Interposição de recursos: 13/4 a 15/4

• Entrevistas remotas: 15/4 a 23/4

• Resultado do recurso: 26/4

• Resultado final: 27/4

Leave a Comment

Filed under Assuntos Comunitários e Estudantis, Educação a distância, Pós-graduação

Estudantes da UFSCar poderão participar de capacitação à Indústria 4.0

Promovida pelo Ministério da Educação, Universidades com Unidades EMBRAPII poderão participar. A UFSCar foi credenciada em junho deste ano.

Lançado nesta quinta-feira (8), estudantes de Institutos e Universidades Federais com Unidades EMBRAPII poderão participar do Programa Capacitação 4.0. O lançamento foi feito pelo Ministério da Educação (MEC) em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) e à Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (EMBRAPII).

De modo remoto, estiveram presentes no lançamento a Reitora da UFSCar, Wanda Hoffmann, e o Diretor da Agência de Inovação da UFSCar, Rafael Vidal Aroca.

A capacitação abordará soft e hard skills – ou seja, habilidades socioemocionais, liderança, empreendedorismo, criatividade, data science, big data, inteligência artificial, aprendizado de máquina, dentre outros aspectos. “Investir em nossos estudantes, possibilitando que se capacitem cada vez mais, é trabalhar pela Ciência e pelo futuro do País”, afirma a Reitora da UFSCar, Wanda Hoffmann.

Conforme explica o Diretor da Agência de Inovação da UFSCar e Vice-Coordenador da Unidade EMBRAPII-CCET-UFSCar, Rafael Vidal Aroca, “termos uma Unidade EMBRAPII nos torna, enquanto Instituição, mais competitivos no cenário nacional. Nossa possibilidade de transformação da sociedade é potencializada”, conclui.

“O ensino técnico da UFSCar é sólido, mas trabalhar em níveis de chefia e gerência exige outras habilidades, como as de relacionamento, que são chamadas de soft skills“, ressalta Ernesto Chaves Pereira de Souza, Coordenador da Unidade EMBRAPII-CCET-UFSCar.

O Programa – A EMBRAPII será condutora do Programa Capacitação 4.0. Referência no setor de inovação e tecnologia industrial, em 2020 a UFSCar foi aprovada para possuir uma Unidade EMBRAPII. O credenciamento ocorreu em maio de 2020. Ao todo são 49 unidades credenciadas em todo o Brasil.

A UFSCar aguarda novas orientações do MEC para apresentar mais informações à comunidade.

A UFSCar foi aprovada para possuir uma Unidade EMBRAPII em maio de 2020 (Foto: Freepik)

Leave a Comment

Filed under Graduação, Inovar, Oportunidades, Pesquisa, Pós-graduação

Pós-Graduação da UFSCar elabora metas para os próximos 4 anos

O Conselho de Pós-Graduação da UFSCar (CoPG), em sua na 119ª Reunião Ordinária, aprovou o Planejamento Estratégico da Pós-Graduação. O documento irá nortear as ações da Universidade até 2024. O processo de elaboração do documento foi conduzido pela Pró-Reitoria de Pós-Graduação (ProPG) da UFSCar, que atuou junto a uma equipe multidisciplinar dos 4 campi da Universidade.

Aumentar a capacidade dos Programas de Pós-Graduação (PPGs) recrutarem estudantes, além de garantir que os ingressantes concluam seus cursos, é a primeira meta do Planejamento. Para isso, ações estratégicas foram traçadas, definidos os resultados esperados e apresentados indicadores que levarão a Universidade a verificar, posteriormente, se a meta foi alcançada.

Profa. Dra. Audrey Borghi Silva, Pró-Reitora de Pós-Graduação da UFSCar, destaca que o documento é essencial para nortear o planejamento dos Programas de Pós-Graduação da UFSCar. “Nosso documento se ampara na missão contida no Plano de desenvolvimento Institucional da UFSCar (PDI), bem como nos princípios da administração pública, que une valores fundamentais: a Excelência, a Responsabilidade Social, a Eficiência, a Ética e a Visibilidade Internacional da UFSCar”, explica a Pró-Reitora.

Conheça algumas metas da Pós-Graduação na UFSCar para os próximos 4 anos:

• Ampliar o número  de estudantes que ingressam na pós-graduação e concluem seu curso;
• Criar Programas inovadores, interdisciplinares, que agreguem valor à sociedade, ao setor produtivo e ao desenvolvimento nacional;
• Fortalecer a internacionalização da pós-graduação na UFSCar por meio de interação interdisciplinar diversificada e ampliação de parcerias internacionais;
• Implantar sistemas gerenciais administrativos e financeiros entre os Programas de Pós-Graduação (PPGs) e a Pró-Reitoria de Pós-Graduação (ProPG);
• Agilizar a disponibilização de diplomas aos estudantes concluintes;
• Melhorar a avaliação CAPES dos PPGs existentes na UFSCar, levando em consideração seus distintos processos de maturação;
• Ampliar a interação global, os saberes e a diversidade cultural na UFSCar;
• Acolher os estudantes e pesquisadores estrangeiros.

Acesse o Planejamento Estratégico da Pós-Graduação da UFSCar 2020 – 2024 na íntegra aqui.

Planejamento estratégico foi aprovado pelo Conselho de Pós-Graduação da UFSCar

Leave a Comment

Filed under Avaliação, Pesquisa, Políticas de Educação e CTI, Pós-graduação

Evento internacional da UFSCar reuniu jovens cientistas

A Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) e o pesquisador Alex S. Lima da Universidade de Gotemburgo (Suécia) realizaram, nos dias 16,17, 24 e 25 de junho, o debate on-line “I Fronteiras em eletroquímica e eletroanalítica: avanços realizados por jovens cientistas”. O evento reuniu pesquisadores brasileiros que trabalham em instituições nacionais e internacionais com linhas de pesquisas em eletroquímica e/ou eletroanalítica, além de palestrantes brasileiros e estrangeiros, com relevantes trabalhos nas áreas.

Entre os pesquisadores que integraram o debate: Bruno Campos Janegitz, do Departamento de Ciências da Natureza, Matemática e Educação (DCNME) do campus Araras da UFSCar; Thiago Paixão, do Instituto de Química da Universidade de São Paulo (USP); Raphael Nagao, da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp); Gabriel N. Meloni da Universidade de Warwick (Inglaterra); Carla Santana Santos, da Universidade Ruhr-Bochum (Alemanha) e Cecília C. C. Silva do MackGraphe (Universidade Presbiteriana Mackenzie).

As apresentações foram conduzidas por jovens pesquisadores e doutores que abordaram as realizações dos diferentes grupos de pesquisas na atualidade. “Organizamos o evento em parceria com a Universidade de Gotemburgo para discutir e estimular os jovens cientistas a realizarem pesquisas nas áreas de eletroquímica e eletroanalítica, principalmente diante da pandemia de COVID-19”, explicou o pesquisador da UFSCar, Prof. Dr. Bruno Campos Janegitz.

A eletroquímica e a eletroanalítica são ramos da físico-química e da química analítica, respectivamente, e desempenham papel importante no desenvolvimento da ciência. “O debate permite a troca de experiências proporcionando discussões sobre temas atuais, contatos e novas parcerias dentro da eletroquímica e da eletroanalítica, incluindo novas formas para a detecção da COVID-19”, finalizou o Professor Bruno Janegitz.

O “I Fronteiras em eletroquímica e eletroanalítica: avanços realizados por jovens cientistas” contou com o apoio da Sociedade Brasileira de Química, da Sociedade Brasileira de Eletroquímica e Eletroanalítica e Metrohm Brasil.

Debates sobre eletroquímica e eletroanalítica têm relevância no caso da COVID-19

Leave a Comment

Filed under COVID-19, Divulgação científica, Pesquisa, Pós-graduação

UFSCar fará testes de COVID-19 da população de São Carlos

A Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) e o Hospital Universitário da UFSCar (HU-UFSCar) participam do “Testar para Cuidar – Programa de Mapeamento da COVID-19”. Este é o maior levantamento feito em um município brasileiro em número de testagens por habitante – e com exames mais precisos do que os aplicados até agora. A Prefeitura de São Carlos irá disponibilizar os kits de testes e a Universidade fará os exames no Departamento de Morfologia e Patologia (DMP). O HU-UFSCar está dando suporte à pesquisa com as entrevistas, coletas e atendimento dos casos de COVID-19.

O levantamento irá pesquisar anticorpos contra SARS-CoV-2 em moradores de São Carlos selecionados pelo método de Amostragem Aleatória Estratificada. Este é o principal modelo usado por grandes Institutos de Pesquisa ao redor do mundo, inclusive pelo IBGE. As pessoas selecionadas vão ser testadas independentemente de terem ou não apresentado sintomas. “A UFSCar reforça seu papel de apoio à sociedade neste momento de pandemia. Colocamos à disposição da cidade a expertise da nossa comunidade acadêmica, a infraestrutura do nosso campus e do HU para o enfrentamento da COVID-19”, afirmou a Reitora da UFSCar, Wanda Hoffmann.

A primeira fase do levantamento com entrevistas e coletas dos exames de sangue aconteceram no sábado (13) e domingo (14), em 19 pontos do município, um deles no HU-UFSCar. O trabalho foi realizado por alunos do curso de Medicina, de áreas da saúde da UFSCar e de outras instituições de ensino, profissionais voluntários da área da saúde do HU, Santa Casa e por equipes de profissionais da UNIMED – São Carlos.

Mil e quarenta e três (1043) amostras foram encaminhadas para o Laboratório de Inflamação e Doenças Infecciosas (LIDI), do Departamento de Morfologia e Patologia (DMP) da UFSCar. Os kits para a realização dos testes estão sendo comprados pela Prefeitura de São Carlos, devendo ser adquiridos nos próximos dias.

Os testes tipo ELISA serão usados para detecção de anticorpos conta a SARS-CoV. “O teste imunoenzimático ELISA tem uma sensibilidade de até 98% na detecção do anticorpo mesmo depois de 14 dias do contato com o vírus, tornando o diagnóstico muito mais confiável”, contou a Professora Fernanda Anibal, que é Coordenadora do grupo de pesquisa e do Laboratório de Inflamação e Doenças Infecciosas (LIDI) da UFSCar.  Os testes serão realizados com o equipamento Espectrofotômetro Multiskan Go, adquirido pelo LIDI com financiamento da PETROBRÁS.

Ao todo, serão realizados 5.600 testes, divididos em quatro etapas de entrevista e coleta de 1.400 pessoas por final de semana, com intervalo de 15 dias entre as etapas. “O mapeamento visa conhecer a distribuição da prevalência da infecção no município para melhor promover ações de orientação quanto a isolamento social e medidas preventivas na população, uma vez que os recursos de saúde não são infinitos”, conta Sigrid de Sousa Santos, Professora do Departamento de Medicina (DMed) e colaboradora do HU-UFSCar.

HU-UFSCar – No “TESTAR PARA CUIDAR – PROGRAMA DE MAPEAMENTO DA COVID-19”, o Hospital disponibilizou os alunos da ação “Brasil Conta Comigo” para as visitas, entrevista e coletas de exames. Profissionais da área da saúde do HU também estão participando da ação de forma voluntária. O HU é referência no atendimento a moradores que, durante a visita, apresentarem algum sintoma grave de Síndrome Gripal e, também, é um dos pontos da pesquisa. O HU tem 44 leitos de enfermaria e 10 leitos de UTI exclusivos para pacientes com COVID-19.

Além da UFSCar e do HU-UFSCar, o mapeamento é realizado pela Santa Casa, Prefeitura de São Carlos, Statsol e UNIMED – São Carlos.

Dentro do projeto de extensão da Universidade, o projeto atenderá a outros propósitos, entre eles: disponibilizar testagem sorológica para a equipe de profissionais da saúde do HU-UFSCar, de forma seriada, e disponibilizar a dosagem semiquantitativa de IgG para SARS-CoV-2 para estudantes, docentes e técnico-administrativos da UFSCar.

A Universidade integra o maior levantamento no País em número de testagens por habitante (Foto: Divulgação)

Leave a Comment

Filed under COVID-19, Extensão, Pesquisa, Pós-graduação, Saúde