Category Archives: Infraestrutura

SeGEF lança edital inédito para cadastramento e seleção de demandas de projetos para obras

A Secretaria Geral de Gestão do Espaço Físico (SeGEF) lança o primeiro edital (disponível neste link) para cadastramento e seleção de demandas de projetos para obras na UFSCar, com a proposta de elaborar um levantamento preciso e atualizado das necessidades relacionadas aos espaços físicos dos campi, colaborando para a tomada de decisões relacionadas a investimentos em obras.

Neste primeiro edital, deverão ser indicadas as demandas relacionadas às modalidades
referentes a reformas de coberturas (telhados e impermeabilizações); reformas e adequações de espaços funcionais e acessibilidade. As propostas podem ser submetidas pelos diretores de Campus e de centro, pelas chefias de departamentos acadêmicos (desde que autorizados por seus superiores nos centros), Pró-Reitores e seus substitutos, Secretários-Gerais e seus substitutos e a Administração Central da UFSCar.

As propostas deverão ser enviadas através de formulário online disponível no endereço que consta no edital (disponível neste link), respeitando estritamente os prazos indicados no cronograma. O formulário preenchido também deverá ser salvo em PDF e adicionado ao processo 23112.012513/2022-15, para fins de armazenamento das informações.

Departamentos e unidades que já tenham apresentado demandas relacionadas a estas necessidades via SEI para a SeGEF, e que não estão em desenvolvimento, deverão fazer novamente a submissão, preenchendo o formulário e indicando caso tenha sido gerado o número do processo em que a demanda foi primeiramente solicitada.

A avaliação das iniciativas recebidas será feita pelo Grupo de Trabalho (GT) GT Governança em Rede Multicampi, e a escolha dos projeto será baseada em critérios técnicos definidos pela Resolução CoAd nº 49 e a disponibilidade orçamentária. Diante disso, é importante destacar que o cadastramento das demandas de obras não implica em reserva orçamentária imediata e liberação da obra para processo licitatório e contratação dos serviços, mas garante que a mesma seja considerada dentro do rol de priorizações definido pela gestão da universidade.

Mais informações e dúvidas devem ser encaminhadas para o e-mail segef@ufscar.br.

Leave a Comment

Filed under Infraestrutura

Projeto Fazenda Escola Lagoa do Sino completa um ano com avanços na gestão

Iniciativa visa contribuir com a consolidação do Campus Lagoa do Sino (foto: Alexandre Martensen)

O projeto de extensão “Fazenda Escola Lagoa do Sino da UFSCar (FELS): promovendo o desenvolvimento regional do sudoeste paulista por meio do ensino, pesquisa, extensão e inovação” acaba de completar um ano de atividades, cumprindo o seu propósito de fortalecer a integração das atividades produtivas da fazenda com as de ensino, pesquisa e extensão do Centro de Ciências da Natureza (CCN) e contribuindo, assim, para a consolidação do Campus Lagoa do Sino como um importante ator de fomento do desenvolvimento regional.

Alberto Carmassi, Diretor de Campus de Lagoa do Sino, conta que a implementação da Fazenda Escola é um dos grandes projetos da gestão e que veio para adequar a fazenda às reais necessidades do Campus, promovendo sua integração à academia e contribuindo com a excelência na formação profissional dos estudantes.

“Fizemos um diagnóstico inicial das condições administrativas, financeiras, de infraestrutura e dos sistemas produtivos da fazenda, para traçarmos o plano de trabalho para este primeiro ano. A reestruturação organizacional da fazenda, para ser de fato uma fazenda escola, com a presença de servidores técnico-administrativos de diferentes áreas e expertises, foi o ponto de partida do nosso trabalho. Parabenizo e agradeço toda a equipe do projeto que tem se empenhado muito na construção da Fazenda Escola”, destaca.

Tecnologia, transparência, investimento e melhorias em infraestrutura foram algumas das frentes nas quais o projeto atuou. Dentre os avanços, estão a aquisição do software Agrogestão, que traz mais agilidade, segurança e qualidade nas atividades operacionais da FELS; atualização da medição das áreas de produção, possibilitando aos profissionais estimar com mais precisão os dados de produção, evitando desperdícios em insumos; migração para um sistema de monitoramento próprio; implantação de novos procedimentos internos de gestão e controle; e treinamento da equipe administrativa nos sistemas da Fundação de Apoio Institucional ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FAI•UFSCar).

A implantação do Programa Institucional de Estágios da FELS é um dos destaques do primeiro ano do projeto. Direcionado aos estudantes dos cinco cursos de graduação do Campus, o programa permite aos estudantes interação com todas as etapas do processo produtivo.

Outra grande conquista foi a destinação de recursos para a licitação da obra do novo laboratório multiusuário, destinando um espaço específico para a pesquisa, em construção modular. Serão 256m² de área construída, com laboratórios e uma sala de reunião.

No que diz respeito à produção da fazenda, foi implementada a diversificação produtiva, com a destinação de algumas áreas apenas para a produção de soja, milho e trigo, e para a produção de culturas alternativas (feijão, soja não transgênica e aveia branca), contribuindo para que os estudantes do Campus tenham contato com uma variedade maior de culturas.

Os investimentos neste primeiro ano do projeto foram inúmeros. Para a produção, com base no diagnóstico inicial, foram feitos investimentos para o bom funcionamento dos sistemas produtivos, como a aquisição de duas plantadeiras, que otimizaram em 32% o tempo de plantio e em 10% a produtividade, a aquisição de uma carreta graneleira, para o transporte de grão ao secador, e a reforma do caminhão.

Foram realizadas ainda a revitalização dos açudes e a reforma do silo 3, do escritório e da casa para os estagiários. Para dar transparência às ações desenvolvidas e aos recursos investidos, foi desenvolvido o site da FELS, a publicação de boletins informativos mensais e a criação de páginas oficiais da FELS nas redes sociais com informações referentes às atividades em andamento, prestação de contas e gestão.

No boletim de um ano da Fazenda Escola Lagoa do Sino (disponível neste link), estão essas e todas as informações do balanço deste primeiro ano de atividade do projeto. O tema será abordado também na live “Na Pauta”, no episódio do dia 3 de maio, a partir das 14h15, nos canais UFSCar Oficial no Facebook e YouTube, com a participação de representantes do Campus.

Leave a Comment

Filed under Extensão, Gestão, Infraestrutura

SIn e ProAd iniciam entrega de mais de 400 equipamentos do Programa de Apoio ao Servidor da UFSCar

SIn já iniciou o processo de entrega dos equipamentos (Foto: Analice Garcia)

A Secretaria Geral de Informática (SIn), em parceria com a Pró-Reitoria de Administração (ProAd), já está realizando a entrega dos equipamentos de tecnologia da informação aos servidores a partir do edital do Programa de Apoio ao Servidor da UFSCar em Trabalho Remoto, que visa dar suporte ao trabalho, fornecendo as ferramentas adequadas para o exercício das atividades de trabalho.

O Pró-Reitor Adjunto de Administração, Luiz Manoel Almeida, destaca a importância do edital para iniciar o processo de atualização tecnológica dos equipamentos de modo que os servidores tenham ferramentas que atendam suas necessidades e contribuam para um ambiente de trabalho confortável e funcional.

O Secretário Geral de Informática, Erick Melo, informa que, a partir do edital, estão sendo disponibilizados computadores de mesa e portáteis, atualização tecnológica de computadores institucionais e/ou pessoais por meio de upgrade de memória e/ou instalação de disco de estado sólido (SSD) e distribuição de câmeras (webcam) e fones de ouvido para trabalho.

A distribuição já começou e se estende nas próximas semanas, com a entrega de mais de 400 equipamentos entre computadores portáteis, discos de estado sólido, câmeras e fones de ouvido para todas as pessoas elegíveis e que se inscreveram no programa, conforme o edital. A expectativa é que uma nova chamada do edital seja divulgada nas próximas semanas.

O processo de entrega é coordenado pela SIn a partir de processo de atribuição patrimonial pelo Sistema de Apoio à Gestão Universitária Integrada (SAGUI). Os usuários são notificados diretamente pelo sistema e por e-mail para que realizem o aceite da carga patrimonial dos itens e, a partir daí, é realizado o agendamento para a entrega dos equipamentos.

De acordo com o edital, no caso de substituição de computador, o usuário deve entregar à SIn a máquina antiga, que está sendo substituída. Essa entrega pode ocorrer no momento da retirada do novo equipamento. A SIn recomenda que os usuários façam backups de seus arquivos no Google Drive, antes de entregar os computadores antigos.

Leave a Comment

Filed under Compras, Infraestrutura

Orçamento para 2022 e planejamento dos custos da UFSCar são apresentados na reunião do CoAd

61ª Reunião do CoAd foi presidida pela Vice-Reitora, Maria de Jesus Dutra dos Reis

O orçamento da UFSCar para 2022, previsto na Lei Orçamentária Anual (LOA), e o planejamento das demandas de custeio da Universidade para este ano foram apresentados como informe na reunião do Conselho de Administração (CoAd), na última sexta-feira (18/2), com participação da equipe da Pró-Reitoria de Administração (ProAd). A gravação da reunião está disponível neste link.

Para 2022, o orçamento da UFSCar, assim como o de todas as Instituições Federais de Ensino Superior (IFES), segue deficitário. Dados divulgados pelo Fórum Nacional de Pró-Reitores de Planejamento e Administração (Forplad) indicam uma queda de 25,84% no orçamento das IFES de 2019 para 2022.

Para a UFSCar, o orçamento de custeio (destinado ao pagamento de energia elétrica, água e esgoto, serviços terceirizados, aquisições de materiais, pagamento de bolsas etc.) e para o Programa Nacional de Assistência Estudantil (PNAES) está na ordem de R$ 51 milhões, sendo R$ 41 milhões para o custeio e R$ 10 milhões para o PNAES.

Para este ano, conforme apresentação detalhada da ProAd dos custos da Instituição, as despesas de custeio da Universidade são da ordem de R$ 55 milhões, o que representa um déficit de R$ 14 milhões no orçamento de 2022.

Pela apresentação, também ficou demonstrado que o valor de R$10 milhões para o PNAES é insuficiente para as despesas de assistência estudantil; por exemplo, somente em bolsas assistenciais há uma despesa fixa de cerca de R$11 milhões. Além das bolsas de assistência, há os custos com moradias, água, energia e com a Unidade de Atendimento à Criança (UAC), outras ações assistenciais que são da ordem de mais de R$ 1 milhão.

Além disso, há as despesas com os Restaurantes Universitários, totalizando um custo médio de R$ 16 milhões. Com o recurso destinado na ordem de R$ 10 milhões, há um déficit de cerca de R$ 6 milhões, que vem sendo suprido com os recursos de funcionamento geral da universidade, para garantir todas as ações de assistência e permanência estudantil.

A Pró-Reitora da ProAd, Edna Hércules Augusto, explicou que a proposta do planejamento orçamentário foi feita com base nos custos de funcionamento de 2019, com uma correção de cerca de 15%. Foi escolhido o ano de 2019 como parâmetro por conta das atividades presenciais, prevendo o retorno presencial em 2022, e foi aplicado um percentual de 15% como média de inflação, embora alguns itens tenham tido um aumento inflacionário bem maior que esse percentual. O material será apresentado pela ProAd aos centros e também na próxima reunião do Conselho Universitário (ConsUni).

Dentre os pontos da pauta, foi aprovada a mudança de vinculação da Unidade de Simulação em Saúde (USS), do Hospital Universitário da UFSCar (HU-UFSCar) para o Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS).
Outro item aprovado foi o pedido de ajustes no Plano de Aplicação do Projeto de Desenvolvimento Institucional para Enfrentamento à Pandemia da Covid-19 na UFSCar. O ajuste foi referente à redistribuição dos recursos, uma vez que o custo para a aquisição de testes para a Covid-19 foi menor do que o previsto, possibilitando a a aplicação em outros itens propostos originalmente no plano, mas que haviam sido removidos, como a aquisição de materiais para a adaptação da infraestrutura dos campi e o pagamento de bolsas para a implementação das ações de Vigilância Epidemiológica.

O relatório final do Projeto de Desenvolvimento Institucional (ProDIn) “Eficientização do parque de Iluminação e instalação de usina fotovoltaica no Campus Araras” também foi aprovado pelo CoAd. Voltado para a eficiência energética do Campus, o projeto visa o uso sustentável da energia e também resultou em mais segurança no Campus, que está melhor iluminado com o novo sistema.

Leave a Comment

Filed under Conselhos, Gestão, Infraestrutura

Vencendo a Covid-19: Restaurante Universitário retoma atendimento presencial nos quatro campi a partir de 7 de fevereiro

Os Restaurantes Universitários de todos os campi da UFSCar retomam o atendimento presencial à comunidade universitária, por meio do sistema de serviço self-service, no dia 7 de fevereiro. Até este momento, os RUs estavam operando com o sistema de retirada de refeições, entrega de kits de alimentos in natura e serviço de entrega domiciliar aos estudantes bolsistas. Durante a Fase 1 do Plano de Retomada, o RU de cada campus irá funcionar com a lotação máxima de 25% da capacidade total do refeitório e com regras específicas de biossegurança.

Para frequentar o RU, é necessário solicitar previamente as refeições, no prazo máximo de até as 14 horas do dia anterior. Os usuários de São Carlos devem fazer o pedido pelo formulário disponível na página do Facebook do RU de São Carlos. Nos demais campi, os pedidos devem ser feitos pelo contato de WhatsApp: Araras (19) 99712-3805, Sorocaba (15) 98176-7678 e Lagoa do Sino (15) 99755-0458.

Para garantir a segurança dos profissionais do RU e dos usuários, os espaços foram adaptados, respeitando a lotação máxima e o distanciamento físico entre as pessoas na distribuição das mesas e nos balcões com os alimentos.

As recomendações de biossegurança para os usuários incluem a higienização das mãos com água e sabonete ao entrar no salão, a higienização das mãos com álcool em gel 70% após passar a catraca e o uso de luvas descartáveis para manipular os utensílios de uso coletivo. Os usuários podem se servir à vontade com arroz, feijão, guarnição e salada. O prato principal e a sobremesa serão servidos pela equipe do RU.

É importante destacar que o serviço de entrega de refeições aos estudantes de Araras, Sorocaba e Lagoa do Sino está mantido.

Confira o horário de funcionamento do Restaurante Universitário nos quatro campi:

São Carlos
Segunda a sexta-feira (exceto feriado) – Almoço: 11 horas às 13 horas / Jantar: 17h30 às 18h30
Sábado, domingo e feriado – Almoço: 11h30 às 12h30 (entrega de almoço e jantar em conjunto)

Araras
Segunda a sexta-feira – Almoço: 11 horas às 12h30
O jantar será servido somente às terças-feiras das 18 horas às 19 horas
Manutenção do serviço delivery (almoço e jantar em conjunto)

Sorocaba
Segunda a sexta-feira Almoço: 11 horas às 12h30
O jantar será servido somente às segundas, terças e quartas-feiras das 18 horas às 19 horas
Manutenção do serviço delivery (almoço e jantar em conjunto)

Lagoa do Sino
Segunda a sexta-feira Almoço: 11 horas às 12h30
Manutenção do serviço delivery (almoço e jantar em conjunto)

Leave a Comment

Filed under Assuntos Comunitários e Estudantis, COVID-19, Infraestrutura, Permanência