Docentes da UFSCar recebem Ordem Nacional do Mérito Científico

A Ordem Nacional do Mérito Científico é uma ordem honorífica. Texto: Mariana Pezzo (CCS/UFSCar)

Durante a reunião do Conselho Nacional de Ciência e Tecnologia, realizada em Brasília no dia 1º de agosto, foi divulgada a lista de novos membros e de membros promovidos de classe na Ordem Nacional do Mérito Científico, concedida a personalidades brasileiras e estrangeiras como reconhecimento às suas contribuições para o desenvolvimento da Ciência no Brasil. Dentre os agraciados estão os docentes da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) Edgar Dutra Zanotto – promovido à classe Grã-Cruz – e Elson Longo da Silva – admitido na classe Comendador.
Edgar Dutra Zanotto é professor titular junto ao Departamento de Engenharia de Materiais (DEMa) da UFSCar, onde atua desde 1976. Em 1977, criou o Laboratório de Materiais Vítreos (LaMaV) (http://lamav.weebly.com), que lidera desde então. Atualmente, é também Diretor do Centro para Pesquisa, Tecnologia e Educação em Materiais Vítreos (CeRTEV) (www.certev.ufscar.br), um dos Centros de Pesquisa, Inovação e Difusão (Cepids) apoiados pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp). É membro da Academia Brasileira de Ciências (ABC) e da Academia de Ciências do Estado de São Paulo (Aciesp), da The World Academy of Sciences (TWAS) e da World Academy of Ceramics, dentre outras associações. É Presidente do Conselho Científico do Instituto Serrapilheira.
Elson Longo da Silva é professor titular do Departamento de Química (DQ), hoje aposentado e atuante como Professor Visitante na Instituição. Recebeu também o título de Professor Emérito da UFSCar. Criou, em 1988, o Laboratório Interdisciplinar de Eletroquímica e Cerâmico (Liec), hoje Centro de Desenvolvimento de Materiais Funcionais (CDMF – http://cdmf.org.br), do qual é Diretor. O CDMF também é um Cepid apoiado pela Fapesp. Dentre outras associações, também integra a ABC, a Aciesp e a World Academy of Ceramics.
Para a outorga da Ordem Nacional do Mérito Científico, o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) recebeu indicações de instituições da área. Uma comissão técnica, formada pelo Ministério, pela Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) e pela ABC avaliou o mérito dessas indicações e emitiu parecer para o Conselho da Ordem.

Deixe um comentário

Arquivado em Prêmios