Processo seletivo para candidatos indígenas aos cursos de graduação da UFSCar recebe 551 pedidos de inscrição

A UFSCar divulgou na última terça-feira (6/10) o resultado da homologação dos pedidos de inscrição de candidatos no processo seletivo para ingresso em 2016 de estudantes indígenas nos cursos de graduação presencial da Universidade. Foram homologadas 479 inscrições dos 551 pedidos de candidatos de 16 Estados de todas as regiões do País. As inscrições representam praticamente o dobro do ano passado, quando foram recebidas 260 inscrições.

O aumento se deve, em grande parte, à mudança no processo seletivo, que, em sua nona oferta, realizará pela primeira vez provas em quatro capitais: Cuiabá, Manaus, Recife e São Paulo. Até o ano passado, as provas eram realizadas exclusivamente no Campus São Carlos da UFSCar. A mudança foi aprovada pelo Conselho de Graduação (CoG) em maio, a partir da proposta dos próprios estudantes indígenas da Universidade, organizados por no Centro de Culturas Indígenas (CCI) da UFSCar. O objetivo é facilitar o deslocamento de candidatos de regiões do País que têm grande concentração de aldeias indígenas. A decisão foi subsidiada pelos números do processo seletivo para 2015, quando a UFSCar homologou a inscrição de 237 candidatos indígenas e pouco menos da metade compareceu às provas.

Para a Pró-Reitora de Graduação da UFSCar, Claudia Raimundo Reyes, o expressivo aumento nos pedidos de inscrição aponta o sucesso da mudança, bem como da política de ações afirmativas adotada pela Universidade. “O grande número de candidatos inscritos neste ano é motivo de grande orgulho para a UFSCar e nos mostra que estamos no caminho certo. Não só por termos tomado a decisão, em 2007, de criar as vagas para os candidatos indígenas, mas também por todo o esforço da Universidade para que nossos estudantes tenham condições de se desenvolverem aqui dentro. A UFSCar aprendeu muito, e em diferentes aspectos, com o ingresso dos indígenas, e uma das demonstrações desse aprendizado foi o acolhimento por parte do Conselho de Graduação da sugestão de ampliar as cidades nas quais a prova é aplicada. Esse resultado comprova como a decisão foi importante para continuarmos ampliando o acesso dos indígenas ao Ensino Superior, por meio do modelo que a UFSCar e seus estudantes indígenas estão construindo”, avalia Reyes.

Candidatos
Neste ano, os candidatos com inscrições deferidas estão distribuídos em 50 das 62 opções de cursos de graduação ofertados pela UFSCar. No Campus São Carlos, os cursos mais procurados foram Medicina, com 124 inscritos, Enfermagem (53) e Fisioterapia (41). No Campus Sorocaba, o curso mais procurado foi o de Administração, com 17 inscrições, e, no Campus Araras, Biotecnologia, com três inscritos. Já no Campus Lagoa do Sino, o curso de Engenharia Ambiental recebeu sete inscrições, sendo o mais procurado do Campus.

Em relação às cidades de aplicação da prova, a maioria dos inscritos fará o exame na cidade de Manaus, com 202 candidatos, seguida de Cuiabá (110 candidatos), Recife (85) e São Paulo (82). Candidatos que, por algum motivo, queiram alterar a cidade de realização da prova, devem entrar em contato diretamente com a Coordenadoria de Ingresso na Graduação da UFSCar até o dia 13 de outubro.

Os 72 candidatos que tiveram seus pedidos de inscrição indeferidos podem ainda apresentar recurso por escrito, também até 13 de outubro, diretamente na Pró-Reitoria de Graduação (ProGrad) da UFSCar, no Campus São Carlos. No recurso, não será admitida a inclusão de nenhum documento além daqueles já apresentados no pedido de inscrição. O pedido de recurso pode ser apresentado por meio de procurador designado formalmente pelo candidato. Os endereços completos dos locais de aplicação das provas em cada uma das quatro capitais serão divulgados no dia 13 de novembro, juntamente com a convocação para as provas. As informações devem ser consultadas exclusivamente no Portal da UFSCar ou no site da Fundação Vunesp. A prova será aplicada em 29 de novembro.

Mais informações podem ser obtidas na Coordenadoria de Ingresso na Graduação da UFSCar, pelo telefone (16) 3351-8152 ou pelo “Fale Conosco” no site da Coordenadoria.

Comentários desativados em Processo seletivo para candidatos indígenas aos cursos de graduação da UFSCar recebe 551 pedidos de inscrição

Arquivado em Equidade, Graduação, Processos seletivos