UFSCar foi convidada para lançamento do Submarino Riachuelo

A UFSCar, como parceira da Marinha do Brasil, foi convidada para o lançamento. Fotos: arquivo pessoal. Texto: Stela Martins (AECR/UFSCar)

Na sexta-feira, dia 14 de dezembro, a Reitora Wanda Hoffmann participou, a convite da Marinha do Brasil, da Cerimônia de Lançamento do Submarino Riachuelo, o primeiro submarino diesel-elétrico classe Scorpène (Riachuelo-classe, S-BR) adquirido no âmbito do Acordo de Transferência de Tecnologia Brasil-França. O acordo prevê, no Programa de Desenvolvimento de Submarinos, a transferência de tecnologia para projetar quatro submarinos diesel-elétricos e o sistema de plataforma de um submarino com propulsão nuclear, permitindo que o Brasil tenha condições de construir submarinos. No planejamento atual, o submarino Humaitá, segundo construído no Brasil, será lançado ao mar em 2020; o Tonelero, em 2021; o submarino Angostura, em 2022; e, por último, o submarino com propulsão nuclear, batizado de Álvaro Alberto, em homenagem ao Almirante brasileiro que foi o protagonista no uso da tecnologia nuclear no País, em 2029.
Riachuelo, nome do submarino lançado agora, é uma alusão à Batalha Naval do Riachuelo, considerada decisiva na Guerra do Paraguai (1864-1870). A parte nuclear do quinto submarino será 100% desenvolvida pela Marinha do Brasil em parceria e através de convênios, por exemplo, com a UFSCar. “Nós temos participação junto à Marinha em alguns projetos. E o mais recente é voltado a esse submarino nuclear. A UFSCar é membro do Comitê de Desenvolvimento do Programa Nuclear Brasileiro que tem, por usa vez, grupos técnicos de trabalho para identificar ações e políticas na área nuclear”, contou Wanda Hoffmann.
O lançamento aconteceu no Porto de Itaguaí (RJ), onde a Marinha Brasileira montou uma grande estrutura para a aplicação do Programa de Desenvolvimento de Submarinos. São 540 mil m², com fábrica de produção de peças, estaleiro para montagem e manutenção das embarcações e base naval onde fica o comando das operações. “A infraestrutura está muito bem montada, muito adequada. O elevador, por exemplo, é capaz de colocar em mar quatro submarinos como o Riachuelo. Fiquei surpresa em ver o quanto o Brasil conseguiu avançar nessa área e identifiquei aspectos notáveis que irão beneficiar o desenvolvimento tecnológico do País”, disse também a Reitora.

Arquivado em Eventos, Pesquisa

UFSCar inaugura três novos edifícios no Campus São Carlos

Novos prédios abrigarão atividades em várias áreas do conhecimento (Foto: Luiz Gambardella e Stela Martins-AECR/UFSCar)

No último dia 12 de dezembro, a UFSCar inaugurou no Campus São Carlos três novos edifícios que contaram com recursos da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) do Governo Federal e cujas obras foram executadas pela Universidade em parceria com a Fundação de Apoio Institucional (FAI.UFSCar) e a Pró-Reitoria de Pesquisa (ProPq) da Instituição.

Na ocasião, foram inaugurados o Centro de Inferência Aplicada (CINA), que será destinado a atividades da pós-graduação em Estatística; a ampliação do Laboratório Interdisciplinar de Eletroquímica e Cerâmica (LIEC), no Departamento de Química (DQ); e o Núcleo de Apoio à Pesquisa (NAP) do Centro de Educação e Ciências Humanas (CECH), que poderá ser utilizado pelos diversos cursos e programas de pós-graduação das Ciências Humanas.

O custo total das obras ultrapassou os três milhões de reais (no CINA foram investidos R$ 1.029.592,75; a ampliação do LIEC custou R$ 635.852,12; e o NAP demandou R$ 1.499.970,00). A finalização das obras só foi possível a partir da liberação, pela Finep, da segunda parcela de recursos referentes à construção dos três edifícios. A Universidade conseguiu a liberação porque, em 2017, executou mais de 80% das obras licitadas e aprovadas – o que era um dos pré-requisitos para obtenção do recurso necessário à finalização desses prédios.

As cerimônias de inauguração tiveram a presença da Reitora da UFSCar, Wanda Hoffmann; do Vice-Reitor, Walter Libardi; do Diretor Institucional da FAI, Ednaldo Pizzolato; e do Pró-Reitor Adjunto de Pesquisa, Ronaldo Censi Faria, que também é o Coordenador dos Convênios da Finep na UFSCar e responsável pelo acompanhamento das obras. Além deles, prestigiaram a inauguração do CINA e do LIEC a Diretora do Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia, Sheyla Mara Baptista Serra, e o Pró-Reitor de Graduação, Ademir Caldeira; e, na inauguração do NAP, estiveram presentes a Diretora do Centro de Educação e Ciências Humanas, Maria de Jesus Dutra dos Reis, e o Pró-Reitor de Extensão, Roberto Ferrari Jr.

De acordo com a Reitora da UFSCar, as inaugurações indicam que a Universidade tem conseguido avançar, mesmo diante dos complexos desafios enfrentados atualmente pelas instituições federais de Ensino Superior.

Arquivado em Sem categoria

UFSCar e Câmara Municipal de São Carlos assinam protocolo de intenções

O Protocolo de Intenções foi assinado pelo Presidente da Câmara e a Reitora da UFSCar. Fotos: Stela Martins (AECR/UFSCar)

Esta semana, no gabinete da Reitoria, área sul do campus São Carlos, a Reitora Wanda Hoffmann e o Presidente da Câmara Municipal de São Carlos, Júlio César Pereira de Souza, assinaram a celebração de um Protocolo de Intenções entre as duas instituições.
O objetivo é impulsionar a capacitação de vereadores e colaboradores da Câmara Municipal de São Carlos, promover o intercâmbio de informações entre as duas instituições e a realização de ações para o fomento de inovação científica e tecnológica em benefício da sociedade; o estímulo a organização e divulgação de eventos culturais entre Câmara e UFSCar que permitam a democratização da cultura e o estabelecimento de alianças estratégicas na área de inovação, promovendo a difusão do conhecimento e o fomento da cultura de inovação na Casa Legislativa.
Assinaram também o Protocolo de Intenções o Pró-Reitor de Extensão, Roberto Ferrari e o Assessor Parlamentar da mesa diretora da Câmara, Fábio de Carvalho Perdiz.

 

Arquivado em Assuntos Comunitários e Estudantis, Divulgação científica

Encerramento do Festival ChorandoSemParar tem participação da Reitora da UFSCar

A Reitora Wanda Hoffmann falou no encerramento do evento sobre a importância da cultura. Fotos: Stela Martins (AECR/UFSCar)

Na noite de domingo, dia 11 de novembro, na Praça Dr. Christiano Altenfelder Silva, conhecida como Praça da XV, em São Carlos, terminou mais uma edição do ChorandoSemParar, festival internacional de música instrumental brasileira para difundir principalmente o Choro. A Reitora da UFSCar, Wanda Hoffmann, foi convidada para participar do encerramento oficial, pois o evento é realizado pelo projeto de extensão “Contribuintes da Cultura”, gerido pela Fundação de Apoio Institucional ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FAI.UFSCar). “Como parte das atribuições da Universidade em ensino, pesquisa e extensão, é uma honra para a UFSCar apoiar e participar do ‘Contribuintes da Cultura’ que trás para cá a excelência em música instrumental ano após ano. Uma semana de boa música, levando mais cultura para as pessoas. Já estamos esperando a próxima edição, certos de que será tão encantadora quanto essa”, disse a Reitora em sua fala no encerramento.
O Festival ChorandoSemParar é o grande destaque do “Contribuintes da Cultura” que também realiza debates, oficinas, apresentações musicais, eventos, exposições, voltados para a cultura e a disseminação do conhecimento. A programação ocorre durante todo o ano em diferentes locais da cidade e, em boa parte das atividades, a UFSCar está presente através de estudantes e docentes das mais variadas áreas.
“O ChorandoSemParar é construído para ser o mais aprofundado possível. Agora, quando homenageamos Radamés Gnatali, tivemos os estudantes de Letras pesquisando sobre diversos aspectos desse grande compositor brasileiro. A Educação Especial nos deu suporte tanto em acessibilidade, quanto na tradução para Libras e Braile, sem falar na participação da Orquestra Experimental da UFSCar e da Big Boom Orchestra também da Universidade. A cada ano, temos diferentes cursos e centros de pesquisa da UFSCar participando. Os departamentos de Física, Biologia, Computação e até de Engenharia de Materiais já participaram dessa festa do conhecimento”, contou Fátima Camargo, diretora do projeto “Contribuintes da Cultura”.
Em 2019, o homenageado será Luiz Gonzaga do Nascimento, o Gonzagão, também compositor de Choros.

Arquivado em Assuntos Comunitários e Estudantis, Eventos

Reitoria reserva agenda para atendimento regular à comunidade universitária

Para facilitar o diálogo entre a Reitoria e a comunidade, a Reitora da UFSCar, Wanda Hoffmann, reservará um espaço em sua agenda para atendimento regular a servidores docentes, técnico-administrativos e também a estudantes da UFSCar. Todas as segundas-feiras, das 14 às 18 horas, a Reitora ficará à disposição para atendimento individual. O atendimento terá início já na próxima segunda-feira, dia 17 de dezembro de 2018, e poderá ser agendado pelo e-mail reitora@ufscar.br. Inicialmente, as conversas ocorrerão no Gabinete da Reitoria, no Campus São Carlos. Porém, em datas específicas, previamente indicadas, a Reitora fará plantão de atendimento em cada um dos campi da UFSCar. Também será possível a interação via Skype. Reconhecendo que um canal direto entre comunidade e a Reitoria é muito importante para a melhoria da condução da Universidade, a Reitora se coloca à disposição e convida todos os servidores e estudantes para uma conversa.

Arquivado em Notas da Reitoria