Hoffmann participa de seminário sobre o SiSU na Andifes

O SiSU é uma das principais portas de entrada para o Ensino Superior no Brasil. Foto: Andifes.

A Reitora Wanda Hoffmann participou no último dia 19 de junho, na Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes), em Brasília, de um seminário sobre o Sistema de Seleção Unificada (SiSU). Criado em 2009, o SiSU é o sistema informatizado, gerenciado pelo Ministério da Educação (MEC), por meio do qual instituições públicas de Educação Superior oferecem vagas a candidatos participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).
Hoje, o SiSU é uma das principais portas de entrada para o Ensino Superior no Brasil. Em 2017, na edição de janeiro, foram 238 mil vagas – 4,5% a mais de vagas que em 2016, oferecidas por 131 instituições, e disputadas por mais de dois milhões e meio de candidatos. Em janeiro de 2018, foram 239.601 vagas na primeira edição do SiSU. De acordo com o site do SiSU, neste semestre, 57.271 vagas estão em disputa por estudantes que fizeram a edição 2017 do Enem e não tiveram nota zero na prova de redação.
A Andifes convidou para o seminário especialistas, como o professor da Universidade Federal do Ceará (UFC), Jesualdo Farias; o Diretor do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Carlos Eduardo Moreno Sampaio; o membro do Colégio de Pró-Reitores de Graduação das Instituições Federais de Ensino Superior (CoGrad), Cassiano Caon Amorim; a Reitora da Universidade Federal do Rio Grande (Furg), Cleuza Maria Sobral Dias; a Reitora da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), Maria José Sena; o Diretor de Desenvolvimento da Rede de Instituições Federais de Ensino Superior (Difes), Mauro Luiz Rabelo; e o Coordenador do CoGrad, João Alfredo Braida.
Do seminário foram tiradas propostas que devem possibilitar o avanço da qualificação do SiSU e assim também ampliar a democratização do acesso à Educação Superior nas universidades públicas brasileiras.

Texto: Stela Martins (AECR/UFSCar)

Deixe um comentário

Arquivado em Assuntos Comunitários e Estudantis, Equidade, Graduação