Reitora se reúne com servidores técnico-administrativos e garante diálogo permanente

Hoffmann fala aos servidores durante assembleia no dia 10/11. Foto: Stela Martins (AECR/UFSCar)

Na última sexta-feira, dia 10 de novembro, servidores técnico-administrativos da UFSCar se reuniram em assembleia no saguão da Reitoria do Campus São Carlos para tratar sobre o movimento grevista iniciado nesta segunda-feira (13/11). A Reitora Wanda Hoffmann foi convidada pelo Sindicato dos Trabalhadores Técnico-Administrativos da Universidade (SinTUFSCar) e compareceu ao encontro para falar sobre a posição da Reitoria em relação ao movimento.

Hoffmann explicou que, como servidora pública federal e atualmente ocupando a função de Reitora tem como missão manter a Universidade em funcionamento, nas melhores condições possíveis. “Como Reitora vou fazer tudo o que estiver ao meu alcance para encontrar a harmonia entre as várias categorias que compõem a comunidade universitária, principalmente, em momentos como esse, de greve. E tudo o que precisar ser decidido no andamento do movimento que está sendo iniciado agora será discutido democraticamente com todos vocês. A Reitoria estará sempre de portas abertas para dialogar”, afirmou aos servidores técnico-administrativos.

Membro do Comando de Greve, a servidora Vânia Helena Gonçalves disse que a posição da Reitoria é motivo de tranquilidade. “Nós teremos assembleias diárias e tudo que possa ter desdobramentos aqui na UFSCar e também nacionalmente será debatido. Então, essa posição da Reitora é muito importante. Saber que as decisões serão tomadas a partir de negociações em conjunto dá mais uma tranquilidade para a categoria”, concluiu Gonçalves.

 

Deixe um comentário

Arquivado em Assuntos Comunitários e Estudantis, Gestão, Gestão de pessoas